Juliette revela bastidores e partes emocionantes do documentário sobre a sua história no Globoplay | Paraíba

0
16


Juliette, em entrevista coletiva nesta sexta-feira (18), contou detalhes sobre os bastidores das gravações e momentos mais emocionantes que serão exibidos no documentário sobre a história dela. De volta à Paraíba, após seis meses, o reencontro com familiares e amigos foi registrado para a produção que vai ao ar no dia 29 de junho, no Globoplay.

Além do reencontro com a família, ela adianta que no documentário vai ler uma carta que escreveu, para a irmã falecida, Julienne, antes de entrar na casa do BBB. A irmã de Juliette faleceu aos 17 anos, vítima de um AVC. Na adolescência, as duas sonhavam em participar do reality show.

Juliette ganha documentário no Globoplay; assista ao trailer
Juliette ganha documentário no Globoplay; assista ao trailer

Juliette ganha documentário no Globoplay; assista ao trailer

“Tem eu lendo uma carta que escrevi para minha irmã, quando eu estava no “além”, no pré-confinamento, contando o processo de como me inscrevi porque ela sonhava com isso também, foi bem bonita a carta”.

Juliette e a irmã, Julienne, no salão de beleza da mãe — Foto: Reprodução/Instagram

O documentário também mostrou ambientes importantes da vida de Juliette, como a oficina do pai dela e a igreja que costumava frequentar.

A volta à Paraíba foi um pouco diferente do que Juliette sonhava. Por causa da Covid-19, os abraços e cheiros não puderam acontecer, já que evitar aglomerações foi uma prioridade dela e da equipe. Mesmo assim, a paraibana relata com emoção e gratidão o reencontro com pessoas queridas.

“O que eu queria mesmo era ter chegado em um carro de bombeiros, abraçado todo mundo, cheirando todo mundo. Era meu sonho quando eu pensava em alguma coisa de voltar à PB. Mas, infelizmente não é o momento”.

Para gravar o documentário, toda a equipe e pessoas que tiveram contato com Juliette foram testadas. Mesmo assim, ela conta que ficou tensa em alguns momentos, quando precisava tirar a máscara durante as gravações.

“Ficava agoniada às vezes porque em alguns momentos eu precisava tirar a máscara para gravar alguma coisa. Entrava em pânico porque as pessoas começavam a chegar, e eu tinha que correr para não aglomerar, mas deu tudo certo, não aglomeramos”, relatou.

Juliette posa com a camisa do Globoplay ao ser anunciada como nova contratada da Globo — Foto: Divulgação/Globo

O documentário sobre Juliette estreia no dia 29 de junho no Globoplay e contará com seis episódios, que serão publicados semanalmente.

Com direção geral de Patrícia Carvalho e direção de Patrícia Cupello, a produção adentra a biografia da paraibana que virou um fenômeno no Brasil.

Ao longo de seis episódios, que serão publicados semanalmente, a série documental revela a origem de Juliette no interior da Paraíba, sua relação com a família e amigos e momentos difíceis que mudaram sua trajetória, como a perda de sua irmã mais nova, vítima de um AVC aos 17 anos.

A obra também passa por suas escolhas profissionais e os rumos que a levaram ao ‘Big Brother Brasil’, e reserva espaço para uma de suas paixões: a música.

“Quando soube do interesse da Globoplay em fazer um documentário sobre minha trajetória, eu mal pude acreditar! Nem nos meus maiores sonhos poderia imaginar uma coisa dessas, minha gente. Na verdade, eu ainda não me acostumei totalmente com essa ideia”, celebra Juliette.

Lives com Elba Ramalho e Wesley Safadão

Juliette se apresenta neste sábado (19) em uma live com Wesley Safadão, que também terá a participação de Alceu Valença. A apresentação faz parte da programação do São João de Campina Grande e será transmitida às 19h, no canal do cantor no YouTube.

No dia 23, a paraibana cantará com Elba Ramalho em uma live que também faz parte da programação do São João de Campina Grande. A apresentação começa às 19h, no canal no YouTube de Elba.

Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba



Fonte: Pop & Arte