Homem é acusado de 4 contravenções por ataque a comediante Dave Chappelle

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Por Dan Whitcomb

LOS ANGELES (Reuters) – Um homem de 23 anos acusado de atacar o comediante Dave Chappelle durante uma apresentação foi formalmente acusado na quinta-feira de quatro contravenções depois que o promotor público rejeitou apresentar acusações mais graves.

Isaiah Lee, que foi dominado após atacar Chappelle, de 48 anos, no palco, na noite de terça-feira, foi acusado pelo gabinete da promotoria da cidade de Los Angeles por agressão, posse de arma com intenção de agredir e outras duas contravenções.

“Este suposto ataque tem que ter consequências”, disse o promotor Mike Feuer em uma mensagem gravada em vídeo.

Feuer anunciou as acusações poucas horas depois que o principal promotor da cidade, George Gascon, rejeitou processar Lee. Um porta-voz de Gascon disse que uma revisão das provas não mostrou conduta criminosa.

Sob a lei da Califórnia, uma contravenção acarreta uma sentença máxima de um ano na prisão. Em Los Angeles, o gabinete de Feuer processa contravenções, enquanto o promotor público é responsável por casos criminais.

A polícia diz que Chappelle estava se apresentando no Hollywood Bowl na terça-feira quando Lee correu até o comediante, derrubando-o no chão. Lee foi contido perto da parte de trás do palco enquanto tentava fugir.

Chappelle voltou ao palco depois de uma pequena pausa e continuou com a apresentação, fazendo piadas improvisadas sobre o incidente. Ele não parecia estar ferido.

Representantes do comediante disseram na quarta-feira que ele está cooperando totalmente com a investigação policial.









Fonte: Mix Vale