Desfiles coloridos retornam em Semana de Moda de Londres híbrida

0
5


Por Marie-Louise Gumuchian e Mindy Burrows

LONDRES (Reuters) – Uma Semana de Moda de Londres híbrida começou nesta sexta-feira, misturando apresentações digitais com os primeiros desfiles presenciais em um ano.

A imprensa internacional e compradores voltaram à plateia para as apresentações nas passarelas, o que inclui exibições do estilista de moda masculina e coreógrafo Saul Nash e do turco Bora Aksu.

“É realmente ótimo estar de volta”, disse Caroline Rush, executiva-chefe do Conselho de Moda Britânico (BFC), à Reuters.

“Estamos animados de ver estes membros da mídia e do varejo que ajudam a impulsionar os negócios britânicos.”

O programa conta com 79 eventos físicos, incluindo shows, consultas e apresentações, e 82 produções digitais. Foram poucos os estilistas que realizaram desfiles com público desde o último setembro.

Nos eventos presenciais, Rush disse que “pediremos prova de vacinação, incentivaremos as pessoas a fazerem exames toda manhã”, disse Rush.

“E se as pessoas não estiverem vacinadas, fazer exames toda manhã será absolutamente obrigatório também. Os bastidores são muito mais rígidos… e incentivaremos as pessoas a usarem máscaras.”

Nesta temporada, o BFC fez uma parceria com a plataforma de vídeos curtos TikTok para sediar o programa Newgen, destinado a estilistas em ascensão.

Saul Nash vestiu as modelos com peças de loungewear relaxado, incluindo conjuntos de roupas de ginástica brilhantes ou estampadas e combinações de tops de polo e shorts.

(Reportagem adicional de Mindy Burrows e Ben Makori)










Fonte:
Mix Vale