Brian May, do Queen, diz que quase morreu por ‘explosão estomacal’

0
43


Depois de sofrer um ataque cardíaco, o guitarrista teve reação adversa a um dos remédios que tomou para se recuperar

Reprodução/InstagramBrian May, do Queen, teve complicações de saúde neste ano

Brian May passa por um 2020 complicado e cheio de idas ao hospital. Só neste ano, o guitarrista do Queen sofreu um ataque cardíaco e passou por algumas cirurgias. Agora, ele revelou que também quase morreu por algo que descreveu como uma “explosão estomacal“. Segundo o britânico, na recuperação de uma cirurgia no coração, um dos remédios que ele tomou não reagiu bem com o organismo e causou o problema no estômago. “Foi uma explosão estomacal que quase me matou”, contou em entrevista ao jornal The London Times.

As complicações de saúde do artista, que já tem 73 anos de idade, começaram em maio, quando ele rompeu um músculo dos glúteos enquanto fazia jardinagem. O problema foi resolvido, mas quando ele foi fazer um exame para ver direitinho a lesão, descobriu que estava com o nervo ciático muito danificado. E, então, alguns dias depois, sofreu um ataque cardíaco. Depois disso, ele passou por cirurgia para colocar três stents nas artérias — e foi quando o estômago dele reagiu mal a um dos medicamentos usados na recuperação.

“O ataque cardíaco foi o símbolo de um problema nas artérias”, afirmou May. “Eu não bebo, eu não fumo, não tenho colesterol alto e estava me exercitando durante nossa turnê, então por que isso aconteceu? Pelo menos agora tenho um coração funcionando melhor do que antes”, desbafou o músico, que já está recuperado. “Eu realmente fiquei muito perto da morte. Mas agora estou bem, estou aqui, e pronto para o rock”, tranquilizou os fãs. Desde a morte de Freddie Mercury, em 1991, o guitarrista virou um dos símbolos máximos do Queen. Desde 2011, ele e os outros integrantes vivos da banda têm feito shows com o cantor Adam Lambert nos vocais.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui