Alec Baldwin não sabia que arma tinha munição, diz polícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Depoimento dado pelo autor foi vazado pela imprensa internacional; disparo acidental dado por ele matou diretora de fotografia durante gravações

Reprodução/Instagram/alecbaldwininsta/22.10.2021Alec Baldwin atirou acidentalmente no set de filmagens e atingiu Joel Souza

O ator Alec Baldwin afirmou à polícia do condado de Santa Fé, no Novo México, que não sabia que a arma disparada por ele dentro de um set tinha munição. A informação estava presente no depoimento dele, que foi vazado pelo site “The Hollywood Repórter”. Na conversa com as forças de segurança, ele disse, ainda, que recebeu a arma das mãos de uma assistente de direção. A polícia foi ao set de filmagem com um mandado para recolher armas e munições usadas nas gravações, bem como o figurino que Baldwin vestia no momento do acidente. Com o disparo, a diretora de fotografia Halyna Hutchins foi atingida no peito. Ela chegou a ser levada de helicóptero para o hospital da Universidade do Novo México, mas não resistiu e morreu.

O diretor Joel Souza, que estava atrás dela, foi ferido e já teve alta. Alec Baldwin disse que a morte foi “um trágico acidente” e que está “cooperando totalmente com a investigação policial para resolver como essa tragédia ocorreu”. Ele também informou estar em contato com o marido dela, oferecendo apoio a ele e sua família. O acidente ocorreu durante as filmagens do longa-metragem “Rust”. Trata-se de um filme de velho oeste, vivido em 1880, estrelado e produzido por Alec Baldwin. Hutchins tinha 42 anos, era diretora de fotografia e fez filmes, curtas e produções para a televisão desde 2012. Ela nasceu na Ucrânia, onde se formou em jornalismo. Depois, em Los Angeles, fez faculdade de cinema.

*Com informações do repórter Fernando Martins





Fonte: Jovem Pan