Projeto de férias leva cinema a escola na Zona Leste de São Paulo – Notícias

0
10



Durante o período das férias escolares, alunos de uma Escola Social localizada na Vila Progresso, Zona Leste de São Paulo, terão acesso a um projeto que um cinema e debate, o Cine Pipocão.


A ideia é que os estudantes em situação de vulnerabilidade social possam frequentar o espaço escolar durante os dias sem aulas, com atividades culturais e divertidas e tendo acesso a uma experiência completa de cinema, com todos os protocolos sanitários observados.


Durante a semana, as turmas do 6º ao 9º ano vão se revezar para ir à escola. Os ingressos para os filmes serão distribuídos na secretaria escolar. Em seguida, os alunos passarão pela bilheteria, poderão retirar sua pipoca e assistir ao filme.


Acesso a programas culturais


“Pensamos em manter o vínculo nesse período [de férias], e no quanto essa socialização é importante. Muitos dos estudantes não têm acesso a programas culturais que possam ser feitos durante as férias. A ideia é que eles descansem, se divirtam, mas também saiam desse momento com alguma bagagem cultural”, revela Andreia Aparecida da Silva, diretora da Escola Social.


Andreia conta que muitos dos estudantes dessa escola nunca estiveram no cinema. “Por isso, a nossa ideia é fornecer a experiência completa, e claro, a acolhida e a socialização, que são fundamentais para o bem-estar das crianças e adolescentes”, diz ela.


A ação é desenvolvida pelo Marista Escola Social Ir. Lourenço, que atende cerca de 300 crianças e adolescentes, gratuitamente.


A programação de filmes selecionada procura reforçar valores e temas a simplicidade, amor ao trabalho, solidariedade, presença significativa, espírito de família, interculturalidade e sustentabilidade. Após cada exibição, os alunos também participarão de bate-papo e debates sobre os assuntos abordados nos longas, mediado pelos educadores.




Fonte: Fonte: R7