Olimpíada de História disponibiliza videoaulas sobre a Independência – Notícias

0
10



Para quem se interessa por história ou está se preparando para provas e vestibulares, a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) disponibiliza, por meio da ONHB (Olimpíada Nacional em História do Brasil), 10 videoaulas com professores de diversas universidades do país sobre o Bicentenário da Independência, que ocorre no ano que vem. Os conteúdos abordam diferentes aspectos do processo da Independência do Brasil e e estão sendo disponibilizados diariamente no canal do YouTube


Esquenta Enem: não perca a primeira aula com professor Noslen


Os vídeos fazem parte da 13ª edição da ONHB e serviram como material de apoio para as equipes que chegaram à 5ª fase da competição, em junho. Nela, os estudantes foram desafiados a elaborar uma exposição virtual sobre a data, onde abordaram o contexto geral da Independência do Brasil, informações sobre o próprio evento, questões regionais e a relação com os dias atuais.



A coordenadora da Olimpíada de História e professora do IFCH (Instituto de Filosofia e Ciências Humanas) da Unicamp, Cristina Meneguello, explica que o objetivo da atividade foi antecipar a reflexão sobre o Bicentenário da Independência para este ano, considerando a importância histórica e política da data e sua relação com a sala de aula.


“A discussão sobre a data já está acontecendo e é muito importante. Com os conteúdos oferecidos e a proposta da tarefa, os estudantes puderam conhecer, refletir, analisar de forma mais ampla como foi esse processo político e histórico do Brasil.”


Os vídeos trazem uma abordagem tanto para leigos quanto para professores e alunos. Entre alguns dos temas apresentados estão o processo de Independência na Bahia e na Amazônia, a relação com a Imperatriz Leopoldina, a Revolução Pernambucana de 1917 etc.


Os conteúdos foram gravados por docentes da Unicamp, UnB (Universidade de Brasília), USP (Universidade de São Paulo), UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia), UFPA (Universidade Federal do Pará), Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e Uerj (Universidade Estadual do Rio de Janeiro).


Sobre a Olimpíada de História


A ONHB é um projeto realizado com apoio do Departamento de História da Unicamp e considerada uma importante ferramenta de aprendizado do ensino de História. Para participar, os interessados devem formar equipes compostas por um professor de História e três alunos dos ensinos Fundamental (8º e 9º anos) e Médio. A competição conta com seis fases online com duração de uma semana cada. As respostas às questões de múltipla escolha e realização de tarefas podem ser elaboradas pelos participantes com base em debate com os colegas, pesquisa em livros, internet, orientação do professor, além de uma gama de documentos e referências oferecidas. Em 2021, chegou em sua 13ª edição com a participação de mais de 40 mil estudantes de todo o país.




Fonte: Fonte: R7