MEC vai destinar quase R$ 5 milhões para universidades federais da Zona da Mata e Vertentes

0
35



A maior parte dos recursos será utilizada em projetos definidos pelo Governo Federal; veja quais. O G1 entrou em contato com as instituições. Universidade Federal de Viçosa
UFV/Divulgação
O Ministério da Educação (MEC) confirmou, nesta terça-feira (7), ao G1, que vai investir, ao todo, quase R$ 5 milhões em ações estratégicas nas universidades federais da Zona da Mata e Campo das Vertentes. Veja abaixo a quantia para cada instituição. A previsão é que os recursos sejam liberados até o fim de agosto deste ano.
Investimentos
UFJF
Campus em Juiz de Fora da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Carlos Mendonça/Prefeitura de Juiz de Fora
De acordo com o Governo Federal, serão repassados para a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), R$ 800 mil para ser utilizado no combate a incêndio e pânico.
Em nota, a instituição informou que “o uso exato do orçamento ainda não foi definido, pois a Universidade precisava saber sobre o montante que seria liberado, para definir, dentre os projetos já submetidos, a melhor forma de utilizar o orçamento”.
UFSJ
Campus Tancredo Neves é uma das três unidades em São João del Rei da UFSJ
UFSJ/Divulgação
Já a Universidade Federal de São João del Rei (UFSJ), irá receber R$ 2 milhões, para investimento em acessibilidade. O G1 entrou em contato com o local para saber mais informações, mas até a ultima atualização desta matéria, não houve retorno.
UFV
Universidade Federal de Viçosa
Amarilson O.C/Divulgação
Conforme o MEC, a Universidade Federal de Viçosa (UFV) terá R$ 2.182.438,19 para utilizar em obras em andamento.
Segundo a instituição, a UFV está em negociação para que a distribuição dos recursos contemple o valor de R$ 1.582.438,19 para a obra do Laboratório de Ensino do Campus Florestal e R$ 600 mil para a continuidade dos trabalhos do Departamento de Tecnologia de Alimentos, no Campus de Viçosa.
Anúncio
O anúncio das verbas foi realizado na última sexta-feira (3). Ao todo, o MEC informou que irá investir R$ 253,9 milhões em ações estratégicas nas universidades federais do país.
De acordo com a pasta, “os recursos já estavam previstos na Lei Orçamentária Anual de 2020 e a maior parte será repassada diretamente às instituições”.


Fonte: Fonte: G1