Inscrições para o Enem 2023 serão abertas nesta segunda-feira

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) estão prestes a começar, e é hora de se preparar para o maior exame educacional do Brasil.

A partir da próxima de amanhã, dia 5 de junho, os estudantes interessados poderão se inscrever para participar do certame, que será realizado nos dias 5 e 12 de novembro deste ano.

Veja também: Parceria entre Santander Universidades e British Council oferece 5 mil bolsas integrais em cursos de inglês online

Inscrições Enem 2023

Para realizar a inscrição, os candidatos devem acessar a Página do Participante e preencher todos os dados solicitados. É importante ficar atento ao prazo, pois as inscrições encerram no dia 16 de junho.

Além disso, é necessário efetuar o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 85 até o dia 21 de junho para que a participação no exame seja confirmada.

Edital Enem

O edital do Enem 2023, divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep), traz todas as informações relevantes sobre o exame.

Nele, estão detalhadas as datas, os horários das provas, bem como os documentos necessários e as obrigações dos participantes. É fundamental ler atentamente o edital para estar ciente de todas as regras e evitar contratempos durante o processo.

O Inep também estabelece critérios para a correção das provas e define os procedimentos para pessoas que necessitam de cuidados especiais durante a realização do exame. Dessa forma, é importante que os candidatos que se enquadrem nessa situação conheçam e sigam as orientações específicas.

Após a aplicação das provas, os gabaritos das questões objetivas serão disponibilizados no portal do Inep no dia 24 de novembro. Já os resultados individuais estarão disponíveis a partir do dia 16 de janeiro de 2024, no mesmo site.

O Enem é uma oportunidade única para os estudantes avaliarem seus conhecimentos e conquistarem uma vaga em instituições de ensino superior. Além disso, o exame também é utilizado como critério de seleção para programas de bolsas de estudos, como o Programa Universidade para Todos (ProUni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES).

Fonte: Fonte: R7