Forças de segurança acompanham a aplicação das provas do Enem em 31 cidades tocantinenses




Coletiva de imprensa aconteceu neste domingo (5), no Gabinete de Monitoramento da Operação Integrada Enem 2023, no QCG. Coletiva de imprensa foi realizada no Quartel do Comando Geral da PM, em Palmas
Arthur Girão/g1 Tocantins
Uma coletiva de imprensa realizada na manhã deste domingo (5) marcou o início da Operação Integrada Enem 2023 no Tocantins. Forças de segurança do estado vão empregar 660 agentes de segurança pública, entre policiais civis, militares, agentes de trânsito, guardas municipais e policiais rodoviários na segurança da entrega das provas e dos locais onde os candidatos vão fazer o exame.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
Neste domingo (5) é realizada a aplicação da primeira parte do Exame Nacional do Ensino Médio deste ano em 31 cidades do Tocantins. Mais de 32 mil candidatos estão inscritos para fazer o exame no estado, que devem ficar atentos às orientações. Os portões dos locais abrem às 12h e fecham às 13h.
No Quartel do Comando Geral da Polícia Militar, em Palmas, o diretor do Sistema Integrado de Operações (SIOP), Coronel Álon Nery Amaral, explicou que as unidades de Inteligência das Polícias Civil e Militar também vão acompanhar o andamento do exame. No local está instalado um Gabinete de Monitoramento da Operação Integrada.
“São 171 localidades de prova no estado do Tocantins todo. Então é uma mega operação que estamos empregando mais de 600 policiais do segmento ostensivo, e o reforço da Secretaria de Segurança Pública nas delegacias e dentro dessas Agências de Inteligência”, explicou o coronel na coletiva.
LEIA TAMBÉM:
ENEM 2023: fechamento dos portões, documentos necessários e ônibus gratuitos; veja os detalhes para prova
Força-tarefa vai monitorar aplicação de provas do Enem para 32,6 mil candidatos no Tocantins
Enem 2023: veja 5 dicas do que fazer na véspera da prova
Enem 2023: quantos minutos gastar por questão? É melhor começar pelas perguntas ou pela redação?
As mesmas ações de guarda e transporte de malotes com provas, escoltas e segurança dos locais de prova vão se repetir no próximo domingo, 12 de novembro, na segunda fase do Enem 2023.
Hora da prova
As provas iniciam a partir das 13h30. Como neste primeiro dia serão aplicadas provas das áreas de linguagens e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias e redação, o tempo de prova será de 5h30.
Os candidatos só podem sair do local a partir das 15h30. Para levar o caderno de prova, os participantes devem esperar até as 18h30, trinta minutos antes do fim da prova.
O que levar:
Caneta esferográfica transparente com tinta na cor preta (leve pelo menos duas para o caso de uma falhar);
RG ou outro documento oficial com foto (documentos digitais também são válidos);
Cartão de confirmação de inscrição;
Lanche (ideal é levar alimentos que deem energia, como chocolates, castanhas e barras de cereal) e água em garrafa transparente (a embalagem não deve ter rótulo). O lanche poderá ser vistoriado pelo fiscal de sala.
Veja mais notícias da região no g1 Tocantins.



G1 Educação