Evite colocar borra de café NESTAS plantas! Pode ser um veneno para elas


A borra de café é um adubo natural rico em nutrientes que pode revitalizar suas plantas e flores, proporcionando-lhes um estímulo saudável de crescimento.

No entanto, é importante notar que, embora muitas espécies se beneficiem desse fertilizante caseiro, algumas têm uma relação menos amigável com a borra de café.

Algumas variedades não apreciam a acidez da borra de café ou de seus componentes específicos.

Antes de adicionar tal substância ao solo do seu jardim, é prudente conhecer quais plantas devem ser preservadas desse adubo para garantir que todas as suas plantinhas floresçam exuberantemente.

ESTAS plantas não são adeptas da borra de café como adubo caseiro

Infelizmente, nem todas as espécies são entusiastas desse adubo peculiar. Mas por quê? Vamos desvendar as verdades por trás desse mito do adubo caseiro e descobrir como manter as plantas radiantes!

Aqui estão algumas espécies que não apreciam a borra de café e as alternativas que podem deixá-las satisfeitas.

Rosas

(Imagem: Reprodução/Internet)

Podem ser um tanto exigentes quando se trata de sua alimentação, e, nesse caso, também fazem parte das plantas que não apreciam a borra de café.

Embora as rosas geralmente mostrem grande resistência, uma aplicação de borra de café pode desequilibrar o pH do solo, produzida em uma cor menos vibrante e majestosa para essas belas flores.

Suculentas e cactos

(Imagem: Reprodução/Internet)

As suculentas e os cactos são como os exploradores destemidos do reino vegetal, gostando apenas de situações desafiadoras. Por isso, a borra de café não é o fertilizante ideal para essas plantas.

Isso acontece porque tais espécies preferem um solo bem drenado, e a borra de café tende a reter um pouco de umidade, o que pode ser um problema.

Lírios

(Imagem: Reprodução/Internet)

Esse adubo orgânico consegue elevar os índices de nitrogênio no solo, o que, para os lírios, é como receber um banquete mesmo já tendo feito uma boa refeição.

Portanto, se o objetivo é manter essas flores majestosas e contentes, é melhor reservar esse adubo para espécies que não se importam com sua característica robusta do nutriente.



Portal R7