Estão abertas as inscrições para quem quiser trabalhar na aplicação do Enem 2023


O INEP abriu vagas no último dia 3 de julho para quem quiser trabalhar no Enem 2023 no dia da aplicação da prova.

Os candidatos farão parte da Rede Nacional de Certificadores (RNC) e serão responsáveis pelo bom andamento do exame. As inscrições ficarão abertas até 24 de julho.

O trabalho é remunerado e com possibilidade de receber por mais de um dia. Os profissionais selecionados podem ter diferentes tarefas, mas, no geral, os certificadores cuidarão de todo o procedimento para que as regras do edital Enem 2023 sejam seguidas.

Entre as atividades também estão: preencher e enviar relatórios, entregar, guardar e abrir os malotes, assim como seguir os protocolos e os horários de início e fim da prova, que acontece nos dias 5 e 12 de novembro de 2023.

Como se inscrever para trabalhar no ENEM 2023?

Para se inscrever no processo seletivo de Certificador, o candidato deve:

A data programada para divulgação dos selecionados é dia 14 de agosto de 2023.

Quem pode se inscrever?

A inscrição no edital para ser um certificador do Enem 2023 está disponível para servidores públicos do Poder Executivo Federal e professores das redes públicas estaduais e municipais que estejam exercendo as funções em 2023.

Além disso, é preciso ter diploma de ensino médio e não ter nenhum parentesco de até terceiro grau com nenhum candidato que fará a prova do Enem 2023.

Qual a remuneração dos certificadores no Enem 2023?

A remuneração pela atuação no processo seletivo tem duas modalidades diferentes. Os servidores públicos selecionados receberão R$32,00 por hora trabalhada.

Já os professores da rede pública de ensino receberão R$ 384 por dia de trabalho no Exame Nacional do Ensino Médio 2023. De acordo com o edital, o pagamento será realizado após a aplicação das provas.

O Enem 2023 acontece nos dias 5 e 12 de novembro, já os interessados nas vagas de certificadores têm até o dia 24 de julho para realizar a inscrição on-line na RNC.



Portal R7