Enem 2021: Inep confirma participação de treineiros na versão impressa da prova

0
16




Segundo o jornal ‘O Globo’, instituto discutia a exclusão do grupo neste ano, para poupar custos. Nesta quinta (17), no entanto, o órgão divulgou que haverá, sim, a possibilidade de inscrição mesmo para quem não tiver terminado o ensino médio. O Enem Digital é exclusivo para quem já terá concluído o ensino médio em dezembro de 2021
getty images
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) confirmou, nesta quinta-feira (17), que os “treineiros” poderão participar da versão impressa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021. Eles só ficarão de fora da digital, conforme já previa o edital.
LEIA TAMBÉM:
NA VELOCIDADE 2X: Estudantes aceleram vídeos de aulas para ganhar tempo
FICARÃO DE FORA? Quem faltou ao Enem 2020 por medo da Covid perde direito à isenção de taxa
REDAÇÕES NOTA MIL: Estude por exemplos do último Enem
São candidatos que não terão terminado o ensino médio em dezembro de 2021, mas que querem testar seus conhecimentos e exercitar o processo de fazer a prova. Eles não podem usar os resultados para ingressar no ensino superior.
Segundo o jornal “O Globo”, o Inep discutia internamente a possibilidade de excluir os “treineiros” da edição deste ano, para poupar custos. Nesta quinta-feira (17), a autarquia confirmou que eles serão, sim, aceitos.
Apenas resultados em datas diferentes
As data de inscrição (30 de junho a 14 de julho) e de aplicação do exame (21 e 28 de novembro) serão as mesmas para todos. A única diferença de calendário acontece na publicação dos resultados: os “treineiros” só terão acesso às próprias notas 60 dias depois dos candidatos convencionais.



Fonte: Fonte: G1