Confira o prazo para providenciar um novo RG

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

O Brasil é um dos países que mais apresentam índices de documentos fraudados por motivos diversos. Dentre o principal da lista está o Registro Geral ou o famoso RG que acaba de passar por uma mudança.

Nesse âmbito, essa mudança visa combater o número de fraudes dos documentos, com mais segurança e praticidade, afinal, ele será disponibilizado também de maneira online para todos os cidadãos brasileiros. Acompanhe o texto!

Leia também: Novo RG: número da carteira de identidade vai mudar

O novo RG

Se há algo de errado, as mudanças se fazem necessárias para controlar determinada situação. Desse modo, uma das mudanças mais aguardadas é a do novo RG, com mais segurança e menos fraudes. O objetivo geral é unificar todas as identificações em um único número, o CPF.

A mudança busca, de certo modo, garantir a comodidade do cidadão em todo território nacional. Afinal, o antigo RG é responsabilidade de cada estado, sendo assim, cada cidadão poderia brasileiro pode possuir 27 números diferentes. Nesse caso, o novo documento busca reunir tudo em apenas uma identificação.

Com isso, possui um design moderno e digital, acompanhando um QR Code para identificar a autenticidade do documento e permitindo uma verificação mais rápida até mesmo em locais sem conexão à internet.

Quais pessoas terão acesso ao novo RG

No primeiro momento, apenas pessoas do estado de São Paulo terão acesso ao novo RG. A emissão é bastante simples, mas é preciso estar de acordo com o passo a passo a seguir:

O primeiro passo, em questão, é possuir um cadastro biométrico na justiça eleitoral do seu estado, no caso, o de São Paulo. Caso não possua, o documento pode ser solicitado na Base de Dados da Identificação Civil Nacional (BDICN).

Em seguida, baixe o aplicativo do Poupatempo, mas para realizar a documentação é preciso baixar e realizar o pré-cadastro no site.

Vale lembrar que o novo documento é obrigatório para todas as pessoas com idade superior a 60 anos. Se você é paulista e possui mais de 60 anos, busque realizar o seu o quanto antes.

Fonte: Fonte: R7