Aumento do vale-gás e do Auxílio Brasil ainda está em análise

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Hoje, os programas sociais são a principal ferramenta de transferência de renda do governo para pessoas de baixa renda. Assim, os beneficiários dos programas Auxílio Brasil e Vale-gás poderão receber mais de 700 reais do governo federal a partir do segundo semestre deste ano. A alteração ainda está em análise, dependendo da aprovação do Congresso Nacional.

Confira mais informações sobre a possibilidade de aumento do Vale-gás e do Auxílio Brasil!

Leia mais: Auxílio Brasil representa pelo menos 10% do PIB local em 648 municípios

Vale-gás e Auxílio Brasil

Os benefícios do Vale-Gás e Auxílio Brasil são direcionados para famílias de baixa renda, sendo o primeiro destinado apenas para a compra de gás. Esses benefícios são pagos na mesma data, sendo que o vale-gás é liberado a cada dois meses, sempre em meses pares.

Dessa forma, o valor do voucher destinado para a compra do gás de cozinha é equivalente a 50% do preço médio nacional do botijão de 13kg, enquanto o Auxílio tem valor mínimo de 400 reais por família.

Quem pode receber esses programas?

A cada dois meses, as famílias são selecionadas para participar do programa do Vale-gás em prol de receber o pagamento. O público que recebe esse benefício é definido pelo governo federal da seguinte forma:

  • Famílias com renda familiar mensal equivalente a metade ou menos de um salário mínimo, registradas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico);
  • Famílias que possuam pessoas atendidas pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC), que morem juntas;
  • Preferivelmente, aqueles que têm na família mulheres vítimas de violência doméstica com supervisão de medidas protetivas.

Em casos de extrema pobreza, os benefícios do Auxílio Brasil estão disponíveis se a renda familiar mensal per capita não ultrapassar 105 reais. Famílias com renda entre 105,01 e 210 reais também são elegíveis, desde que seus membros incluam mulheres grávidas ou crianças menores de 21 anos.

Projeto do governo para os aumentos

O plano do governo é aumentar os pagamentos de ambos os benefícios e completá-los até o meio do ano de 2022, poucos meses antes das eleições. Com isso, o Auxílio Brasil passaria de 400 para 600 reais, e o cupom de gás passaria de 53 para 120 reais. Então, quem receber esses dois pagamentos poderá somar 720 reais.

Em junho, o Auxílio Brasil atendeu cerca de 18 milhões de pessoas, enquanto o Vale-gás atendeu mais de 5 milhões de brasileiros, segundo o Ministério da Cidadania. No entanto, é importante ressaltar que são programas diferentes, não possuem impedimentos e a lei permite a acumulação.

Fonte: Fonte: R7