Aberta chamada pública para o cadastro escolar e a matrícula na educação infantil em 2022/2023 na rede municipal de Divinópolis | Centro-Oeste

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Teve início nesta quarta-feira (4), a chamada pública para o cadastro escolar e a matrícula na educação infantil em 2022/2023 na rede municipal de ensino em Divinópolis. A inscrição não é paga e deve ser feita on-line de 20 de junho a 12 de agosto de 2022, no site da Prefeitura.

A Secretaria Municipal de Educação explicou que o cadastro tem como objetivo proceder à inscrição unificada dos candidatos às vagas para educação infantil: na creche, para crianças de 2 e 3 anos; na pré-escola, para crianças de 4 e 5 anos; e nas unidades escolares de educação infantil que atenderão exclusivamente em tempo integral.

O cadastramento escolar de ensino regular ou educação especial para o público-alvo da educação infantil também será no site da Prefeitura.

Pode se inscrever no cadastro escolar:

  • Criança que completar 5 anos até 31 de março de 2023, nascida de 1/4/2017 a 31/3/2018
  • Criança que completar 4 anos até 31 de março de 2023, nascida de 1/4/2018 a 31/3/2019
  • Criança que completar 3 anos até 31 de março de 2023, nascida de 1/4/2019 a 31/3/2020
  • Criança que completar 2 anos até 31 de março de 2023, nascida de 1/4/2020 a 31/3/2021

A educação infantil da rede municipal será oferecida nas escolas municipais e nos centros municipais de educação infantil (Cmeis). O período de matrícula dos inscritos no cadastro escolar na rede municipal será de 21 a 25 de novembro de 2022.

A criança que não for matriculada no prazo previsto poderá perder a oportunidade de obter vaga em unidade escolar mais próxima à residência. Caso ocorra, a mesma será reencaminhada para outra unidade escolar onde houver vaga remanescente.

A matrícula poderá somente ser realizada pelos pais ou responsável legal do candidato. Para a matrícula, é preciso apresentar original e cópia dos seguintes documentos:

  • Certidão de nascimento ou carteira de identidade do candidato;
  • Comprovante de residência, preferencialmente a conta de luz, em conformidade com o endereço atestado no ato da inscrição;
  • Número de identificação Social-NIS nos casos de crianças beneficiárias do Programa Auxílio Brasil (Bolsa Família);
  • Cartão de vacina;
  • Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS);
  • Cadastro da Pessoa Física (CPF) (criança);
  • Foto 3×4 da criança

Segundo a Prefeitura, o planejamento do atendimento escolar da educação infantil será elaborado com base nos dados obtidos no cadastro escolar, na análise do fluxo escolar e na capacidade física das unidades escolares. Será observado a organização das turmas e das faixas etárias, segundo a legislação vigente.

O encaminhamento para a matrícula das crianças inscritas no sistema de cadastro estará sujeito à disponibilidade de vagas por turno, o espaço físico de cada unidade escolar, o tipo de atendimento prestado e a etapa de ensino oferecido. Deve ser respeitado os critérios de alocação e desempate na seguinte ordem de prioridade: zoneamento e idade.

A educação em tempo integral será realizada em unidades escolares estabelecidas pela Semed. Casos excepcionais, para o regime de funcionamento integral e/ou parcial, serão analisados pela Semed. Para 2023, o atendimento às turmas de Cmeis será preferencialmente organizado com a matrícula das crianças menores em idade no turno vespertino e a das crianças maiores em idade no turno matutino.

VÍDEOS: veja tudo sobre o Centro-Oeste de Minas



Fonte: Fonte: G1