Wheels Up, o ‘Uber do céu’, estreia na Bolsa de Nova York

0
28


A Wheels Up se tornou a primeira empresa privada de aviação a pôr ações à venda na Bolsa de Nova York. A ideia que fez a cada ação valorizar-se 8% no dia de estreia foi o conceito de “Uber dos céus”.

Usuários frequentes podem se tornar membros do serviço, com taxas que vão de US$ 2.995 a US$ 29.500. Quem não é membro pode solicitar um avião pelo aplicativo. Um voo num King Air 360i entre Burbank, na Califórnia, e Las Vegas, por exemplo, fica em US$ 7 mil.

“A China entra no mercado de grandes aviões comerciais”

Como no Uber, a empresa conecta viajantes a donos de aviões particulares. Voos podem ser compartilhados com o preço repartido. Os mais de 1.500 aviões disponíveis variam de tamanho para cada necessidade.

 

 





Fonte: R7