Tesla tem lucro de 1 bilhão de dólares com alta do Bitcoin

0
18


A Tesla, empresa sob o comando de Elon Musk, registrou um lucro de US$ 1 bilhão com a nova alta do Bitcoin no mercado.

Apostando no Bitcoin em fevereiro de 2021, a Tesla comprou US$ 1,5 bilhão em Bitcoin, anunciando que iria aceitar moeda como pagamento. Apesar de não aceitar mais a moeda digital em troca de seus veículos, a empresa manteve seus Bitcoins até hoje.

Assim, com mais de 42 mil Bitcoins em sua posse, a Tesla já registrou em oito meses um lucro de US$ 1,1 bilhão, com suas moedas valendo US$ 2,6 bilhões nesta sexta-feira (15).

O grande retorno da empresa listada na Nasdaq e uma das maiores do mundo no setor automobilístico dará certamente uma ótima notícia para os investidores dessa empresa caso o movimento continue.

Vale lembrar que Elon Musk, o homem mais rico do mundo, também é um fã do Bitcoin e tem grande parte de seu patrimônio nessa criptomoeda. Outra empresa que comanda, a SpaceX, também já comprou a moeda, mas não é público o valor dessa operação visto que essa não é uma empresa listada na bolsa de valores.

O lucro de 1,78 vezes da Tesla com Bitcoin acaba chamando a atenção, visto US$ 1 bilhão é o mesmo retorno que a empresa teve no segundo trimestre de 2021 com a venda de carros elétricos.

Além da Tesla, MicroStrategy já registra lucro de 2,2 vezes com alta do Bitcoin

A primeira empresa listada na bolsa de valores a comprar Bitcoin foi aMicroStrategy, que detém 114 mil moedas em sua posse, com um lucro de 2,2 vezes ao valor que pagou.

O custo de sua aquisição segue em US$ 3,15 bilhões, mas já vale US$ 7,03 bilhões no mercado.

As grandes empresas chegaram a deter nos últimos meses cerca de 10% de todos os Bitcoins já criados, ou seja, são as novas baleias conhecidas pelo mercado.

No caso da Tesla, a empresa de Elon Musk não tem a intenção de vender suas posses no mercado, com o CEO afirmando que tem mãos de diamante recentemente.

Elon Musk diz que Tesla tem mãos de diamante, indicando que não deverá vender facilmente suas moedas
Elon Musk diz que Tesla tem mãos de diamante, indicando que não deverá vender facilmente suas moedas/ Twitter

Com resultados tão expressivos quanto os vistos por duas grandes companhias dos Estados Unidos, a pergunta que fica é: até quando as empresas poderão ignorar o Bitcoin como reserva de valor? Isso principalmente em um momento de grande impressão de dinheiro por bancos centrais e em meio a preocupações com inflação em todos os países.





Fonte: R7