segurado aguarda há 2 anos por aposentadoria

0
26


INSS: segurado aguarda há 2 anos por aposentadoria Conselho de Recursos concedeu benefício, mas trabalhador não recebeu renda ainda.

O segurado Wagton Sebastião Lacerda Macedo, 60 anos, de Juiz de Fora (MG), diz que aguarda desde 2019 para começar a receber sua aposentadoria do INSS. Nem mesmo reclamações no Ministério da Economia surtiram efeito.

Ele afirma ter direito ao benefício por tempo de contribuição, pois já completou os 35 anos de pagamentos.

Segundo o leitor, o pedido de aposentadoria foi feito no ano de 2017. No entanto, a concessão foi negada. Na época, Macedo entrou com um recurso, que foi deferido pela seção de reconhecimento de benefícios da Previdência. O INSS recorreu, porém, o Conselho de Recursos manteve o direito à aposentadoria por tempo de contribuição. Isso ocorreu em outubro de 2019 e, desde então, o processo está parado.

Atualmente, o segurado trabalha em uma empresa de envasamento de água, onde está há dez anos. Ele diz que já precisou fazer duas operações de hérnia. “A recomendação era que eu ficasse 90 dias afastado, mas resolvi voltar a trabalhar com 30 dias, senão eu precisaria do auxílio-doença, que também está demorando para sair, e eu poderia ficar sem salário por meses”, explica ao Agora.

Macedo guarda todos os documentos desde o seu primeiro emprego com o objetivo de, justamente, evitar quaisquer problemas na aposentadoria.

“Este zelo que tive, dá sensação de que não adiantou muito. Hoje em dia, meu filho pensa duas vezes se vale a pena contribuir. Estou muito frustrado”, afirma o leitor.

Instituto concede benefício

O INSS afirma que processo foi concluído e o resultado deve ser acompanhado pelo Meu INSS ou telefone 135. O pagamento dos salários retroativos deve ser feito em duas parcelas. “Existe todo um fluxo administrativo entre a data que a pessoa faz o pedido inicial do benefício e a análise final do requerimento, sobretudo nos casos em que o segurado entra com recurso administrativo”, diz nota.

O leitor confirmou que a carta de aposentadoria foi emitida, embora o valor tenha ficado abaixo do esperado. Fonte: Agora










Fonte:
R7