Segundo estudos, é possível comer massa sem engordar

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Os carboidratos são erroneamente demonizados quando algumas pessoas passam a adotar um estilo de vida mais saudável. No entanto, saiba que eles podem ser verdadeiros parceiros na alimentação, e comer massa sem engordar é totalmente possível. Acompanhe a leitura!

Leia mais: Conheça alguns alimentos capazes de auxiliar no tratamento do refluxo

Segundo estudos recentes da St. Michael’s Hospital, existe a possibilidade de inserir a massa numa alimentação saudável sem que ela prejudique o processo de emagrecimento. Uma vez que estamos falando de um carboidrato de baixa caloria.

Ou seja, ao fazer o consumo desse alimento, principalmente em sua forma integral, os níveis de açúcar no sangue irão aumentar gradualmente, dando energia sem desencadear picos.

Massas podem ser ótimas para a saúde!

Os carboidratos são muito incluídos na dieta de atletas de alta performance. Inclusive, também podem ser muito úteis para aqueles que praticam atividades físicas regulares e de baixo impacto.

Conforme consta na pesquisa, houve uma série de investigações previamente realizadas a respeito do consumo deste alimento. A conclusão a que os cientistas chegaram é que, a massa é, possivelmente, um dos macronutrientes que mais auxiliam no controle do peso corporal.

Ademais, vale ressaltar que, por mais benéficas que sejam, é preciso ter atenção ao consumi-las. Por exemplo, a quantidade indicada é de até três porções semanais, e dependendo do que a massa esteja acompanhada, pode não ser tão saudável assim.

Benefícios da inclusão das massas na alimentação regular

Ao consumir massas até três vezes por semana e regulando os seus acompanhamentos, ela pode contribuir para a saúde do corpo. Confira alguns dos benefícios:

  • Ao promover a gradual liberação de açúcar no sangue, a massa torna-se uma excelente fonte de energia;
  • Prefira sempre optar pela forma integral, assim, você ainda tem um extra de fibra;
  • Geralmente, as massas se configuram em um alimento de baixo teor de gordura (esteja sempre atento ao rótulo da embalagem);
  • Boa fonte de proteína;
  • Sua variedade é imensa, existindo diversos tipos disponíveis no mercado;
  • Por fim, trazem consigo alguns micronutrientes como o cálcio, o ferro e o magnésio.



Fonte: R7