Saiba como se proteger do ‘golpe do aniversário’, crime cada vez mais comum no Brasil

No golpe, bandidos entram em contato dizendo que vão enviar um presente de aniversário, e que a pessoa só precisa pagar uma taxa de entrega. Os golpistas dizem que não aceitam dinheiro em espécie e, na hora de passar o cartão e digitar a senha, o crime acontece. Saiba como se proteger do ‘golpe do aniversário’, crime cada vez mais comum no Brasil
Segundo a Polícia Civil, o chamado ‘golpe do aniversário’, tem sido cada vez mais comum no Brasil. Nele, bandidos se passam por empresas e entram em contato no dia do aniversário da vítima dizendo que vão enviar um presente, e que a pessoa só precisa pagar uma pequena taxa de entrega.
Os golpistas dizem que não aceitam dinheiro em espécie e, na hora de passar o cartão e digitar a senha, o crime acontece.
“Esse cartão de crédito pode ser clonado, dependendo do tipo de máquina que o criminoso estiver usando. Ele pode decorar a senha da pessoa, uma vez que essa máquina pode recusar o pagamento de propósito”, explica Magno Machado Nogueira, chefe da divisão de fraudes de Minas Gerais.
O golpe já foi registrado em várias partes do Brasil. Em São Paulo, por exemplo, um falso entregador disse que a maquininha estava com problema e cobrou várias vezes a suposta taxa. A vítima teve um prejuízo de R$ 25 mil.
Em Minas Gerais, um homem de 59 anos ficou ferido ao sofrer uma tentativa do golpe no dia de seu aniversário.
“Ele tinha todos os meus dados. Não só meu, como da minha esposa. Telefone, nome completo, endereço, data de nascimento… Já são dados suficientes para você sofrer um golpe”, diz a vítima.
📌 Como se proteger?
A Federação Brasileira de Bancos orienta a nunca entregar o cartão para alguém inserir na maquininha e realizar o pagamento;
Ao digitar a senha, é preciso garantir que outras pessoas não estejam conseguindo ver;
Não aceite realizar pagamentos se o visor da maquininha estiver danificado, impedindo que você cheque o valor real que está pagando;
Rômulo Brasil, especialista em defesa do consumidor, diz que é preciso redobrar a atenção ao receber brindes de forma presencial, ou mesmo clicar em links desconhecidos, ou mensagens de texto.
Homem fica ferido ao sofrer tentativa de ‘golpe do aniversário’ em Belo Horizonte
Idosa de 71 anos cai em ‘golpe do aniversário’ e perde quase R$ 6 mil em Jundiaí
“Ao se perceber que caiu no golpe, a orientação primeira é procurar o banco, informar acerca daquela situação para que o banco, na tentativa de resolver administrativamente, possa buscar possa apresentar uma solução ao consumidor. A orientação é, em seguida, entrar em contato com as autoridades policiais”, diz o especialista.
Veja a reportagem completa no vídeo abaixo:
Polícia Civil registra golpe em que falsos entregadores escolhem vítima pela data de aniversário

Fonte: Portal G1