Quem possui direito à prorrogação do Auxílio emergencial 2022?

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


A pandemia da Covid-19 afetou diretamente as pessoas no mundo todo. No Brasil os impactos foram extremamente atenuantes, tanto no setor de saúde pública, quanto no bolso do brasileiro que ficou sem muitas chances de trabalho, além de ser afetado diretamente pela inflação.

Veja também: PF investiga fraude de 6 milhões no Auxílio Emergencial

Em vista dessa dinâmica, para auxiliar a população, a bancada do PT, junto com a Câmara dos Deputados, aprovaram o auxílio emergencial de 600 reais como um suporte para as populações de baixa renda.

De fato, o auxílio emergencial parou de ser ofertado, mas através da medida provisória (MP 1804) publicada no Diário Oficial da União em 24 de dezembro de 2021, foi liberado um crédito extraordinário para pagar os homens chefes de família que não foram contemplados pelo auxílio durante sua regência.

Desse modo, o auxílio emergencial em 2022 terá suas peculiaridades, uma vez que está baseado diretamente na questão referente às contas duplas de auxílio anterior.

No caso, um cidadão “A”, inscrito no auxílio em 2020 que não recebeu a conta dupla de chefe de família, possui direito a receber 3 mil reais, referente a cinco parcelas de 600 reais que não foram pagos enquanto o auxílio estava em vigor durante a pandemia.

Destarte, para fazer a consulta do Auxílio Emergencial na Dataprev, basta acessar ao site, colocar seus CPF, preencher os dados conforme a plataforma solicita e olhar se possui direito a receber o valor em 2022.

Por fim, o governo irá checar os seguintes dados para a concessão do auxílio: Se o homem realmente só recebeu uma cota do Auxílio Emergencial no valor de R$ 600 em 2020; Se não possui cônjuge ou companheiro (a); Se na família existe alguém com menos de 18 anos; e ele está inscrito como o responsável por aquela família.



Fonte: R7