Procuradores dos EUA pedem que Facebook e Twitter removam informações falsas sobre vacinação contra a Covid-19 | Tecnologia

0
12


Doze procuradores-gerais dos Estados Unidos pediram que Facebook e Twitter apliquem suas diretrizes comunitárias e removam ou sinalizem informações falsas sobre a vacinação contra a Covid-19.

O pedido foi feito em uma carta direcionada aos presidentes das duas empresas, Mark Zuckerberg, do Facebook, e Jack Dorsey, do Twitter, nesta quarta-feira (24).

Os procuradores de 12 estados americanos acusam as duas redes sociais de fazerem pouco para impedir que os usuários de suas plataformas espalhem informações falsas sobre a vacinação, dizendo que ela não é segura.

Na carta, eles dizem que pessoas sem experiência médica e frequentemente motivadas por ganhos financeiros usaram as plataformas para minimizar o perigo do coronavírus e exagerar os riscos de vacinação.

O Facebook disse que a empresa removeu milhões de posts com informações incorretas sobre a Covid-19 e as vacinas, e tenta direcionar os usuários a informações confiáveis das autoridades de saúde, de acordo com a agência de notícias Reuters.

O Twitter disse que removeu mais de 22.400 tuítes em conexão com sua política em relação às postagens sobre o coronavírus e prioriza a remoção de conteúdo que poderia causar danos “no mundo real”, também segundo a Reuters.

Saiba como proteger seus dados na internet



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui