Preços do petróleo sobem 8% com resultados promissores de vacina contra Covid-19 | Economia

0
11


Os preços do petróleo dispararam cerca de 8% nesta segunda-feira, no maior ganho diário em mais de cinco meses, após a Pfizer anunciar resultados promissores de sua vacina contra a Covid-19.

O petróleo Brent fechou em alta de US$ 2,95, ou 7,48%, a US$ 42,40 por barril, enquanto o petróleo dos Estados Unidos (WTI) avançou US$ 3,15, ou 8,48%, para US$ 40,29 o barril.

Os mercados do petróleo também avançaram depois de a Arábia Saudita sugerir que ela e outros países produtores da commodity podem ajustar seu pacto atual para restrição de oferta, com a possibilidade de que mais barris seja retirados do mercado se a demanda despencar no inverno (do Hemisfério Norte), com o aumento no número de infecções pelo coronavírus antes que a vacina esteja amplamente disponível.

A demanda por combustíveis está em queda em todo o mundo como resultado da pandemia, e com a contagem de infecções superando a marca de 50 milhões, diversos países — especialmente na Europa — estão voltando a impor “lockdowns” para retardar a disseminação do vírus.

As notícias sobre a vacina deram aos operadores esperanças de que a pandemia possa ser controlada no ano que vem, o que ajudaria as pessoas a retomarem suas vidas normais, impulsionando a demanda.

“O petróleo, particularmente, reagiu à notícia pelo que ela representa”, disse John Kilduff, sócio da Again Capital em Nova York.

“A pandemia está afetando o transporte de forma terrível, e 80% dos barris de petróleo vão para combustíveis no setor de transportes, então acredito que essa seja uma resposta lógica.”

Tanto o Brent quanto o WTI chegaram a subir mais de US$ 4 mais cedo, com volumes que representaram 148% e 139% dos vistos na sessão anterior, respectivamente.



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui