Preço do aluguel sobe em ritmo 5% abaixo da inflação em 2021 – Notícias

0
7



Os brasileiros que procuraram imóveis para alugar em setembro se depararam com uma alta de 0,52% no valor das locações na comparação com agosto, de acordo com o Índice FipeZap, que acompanha a variação dos valores anunciados em 25 cidades.


Com o movimento, o preço anunciado das locações acumula uma valorização de 1,8% neste ano, valor 4,68% abaixo da inflação oficial de preços, o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) para o período, de 6,8%.


O resultado apurado entre os meses de janeiro e setembro é também 12,24% menor do que o IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado), a inflação do aluguel, para o mesmo período, que soma 16%.



As variações elevam o preço médio do aluguel para R$ 30,92 por metro quadrado. Significa dizer que o brasileiro que deseja locar um apartamento padrão, com um ou dois dormitórios e 60 m², precisará desembolsar mais de R$ 1.850 mensalmente para viver no local.


O avanço do índice nos nove primeiros meses de 2021 é impulsionado pela variação do preço do aluguel em: Curitiba (+9,62%), Recife (+8,31%), Florianópolis (+6,42%), Fortaleza (+5,19%), Belo Horizonte (+4,74%), Salvador (+4,34%), Goiânia (+3,91%), Brasília (+2,84%) e Rio de Janeiro (+2,18%). Por outro lado, São Paulo (-2,15%) e Porto Alegre (-1,27%) acumulam queda em 2021.


Cidades


Entre as cidades monitoradas, São Paulo (SP) se manteve responsável pelo aluguel mais caro do Brasil (R$ 39,26/m²) e é seguida por Barueri (SP), Recife (PE) e Santos (SP), onde o valor médio do metro quadrado disponível para locação é de, respectivamente, R$ 38,96, R$ 34,29 e R$ 33,58.


Também aparecem com o valor do metro quadrado para alugar a um preço acima da média nacional os municípios de Brasília (DF) e do Rio de Janeiro (RJ). Nas localidades, o preço médio da locação por cada espaço mínimo de terra de é de R$ 33,25 e R$ 31,56, respectivamente.


Por outro lado, os lugares mais em conta entre os pesquisados para morar de aluguel são Pelotas (RS), São José do Rio Preto (SP) e Ribeirão Preto (SP), onde o preço médio do metro quadrado disponível para locação figura abaixo de R$ 18. Entre as capitais, os menores valores foram localizados em Fortaleza (R$ 18,27), Goiânia (R$ 19,55) e Curitiba (R$ 22,76).




Fonte: R7