Piauí mostra crescimento de 232% em educação no sistema prisional do Estado

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

O número de atividades educacionais oferecidas pelas unidades penais do Piauí aumentou 232%.

Ao lado do Maranhão e do Rio Grande do Sul, o Estado foi destaque em Educação, no levantamento feito pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

O resultado relata a preocupação da atual gestão da Secretaria de Justiça (Sejus) em proporcionar a mudança de vida dos internos do sistema prisional através do estudo.

As atividades educacionais têm aumentado nas 17 unidades penais de Norte a Sul do Piauí.

Nos últimos anos, foram fortalecidos os projetos de educação básica, certificações de conclusão do ensino Médio, preparações para exames nacionais como o Enem e o Encceja, Projovem Urbano.

Para Carlos Edilson, Secretário de Justiça, o resultado mostra que o Piauí está no caminho certo para reinserir pessoas privadas de liberdade, na sociedade, após o cumprimento de suas penas.

“Acreditamos, desde o início, que, com trabalho e educação, poderemos transformar vidas. Esse investimento faz parte de nossa diretriz de gestão. Continuaremos incentivando e proporcionando a educação dentro de nossas unidades. Queremos que essas pessoas cumpram suas penas e saiam melhores do que entraram. Tenho a certeza que alcançaremos esse objetivo”, finalizou o Secretário.

Fonte: Jornal Contábil