Petróleo fecha em alta com divulgação de dados positivos na China | Economia

0
10


Os contratos futuros do petróleo fecharam em alta nesta terça-feira (13), impulsionados pela divulgação de dados positivos da China que alimentaram a esperança de uma retomada mais rápida da demanda global pela commodity.

O contrato do petróleo Brent para dezembro fechou em alta de 1,74%, a US$ 42,45 por barril, na ICE, em Londres, enquanto o contrato do WTI para novembro avançou 1,95%, a US$ 40,20 por barril, na Bolsa de Mercadorias de Nova York.

Campo de petróleo em Vaudoy-en-Brie, na França — Foto: Christian Hartmann/Reuters

Os dados oficiais mostraram que as exportações do país cresceram em um ritmo mais rápido em setembro do que no mês anterior, um aumento de 9,9% em relação ao ano anterior. As importações aumentaram 13,2% em relação ao ano anterior, ante queda de 2,1% em agosto.

Autoridades de energia da Arábia Saudita disseram também que a demanda por petróleo pode se recuperar completamente já em 2022, o que, somado aos dados chineses, mais do que compensou os temores com a retomada da produção no Golfo do México, após a passagem do furacão Delta pela região.

Os contratos voltaram a anotar ganhos, com a referência americana do petróleo, o WTI, retomando o nível dos US$ 40, após recuar mais de 4% nas duas sessões anteriores.

“A Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) também está otimista sobre a recuperação da pandemia, com a entidade, agora, vendo a recuperação da economia global no próximo ano, embora sua avaliação de longo prazo para a demanda de petróleo fosse desanimadora, em linha com outras”, disse, em nota a clientes, o analista da Oanda, Craig Erlam. No entanto, “isso não muda o fato de que os riscos de curto prazo estão inclinados para o lado negativo”, acrescentou.

Veja as últimas notícias de economia:



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui