Nubank deixa de ser o banco mais valioso da América Latina

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Na última sexta-feira, 14 de janeiro, o Nubank perdeu o posto de banco mais valioso da América Latina. Devido a uma queda de 6,34% em suas ações, a startup sofreu uma desvalorização de 9,8% em seu valor de mercado, em comparação a sua estreia na bolsa de Nova York, onde o banco chegou a valer aproximadamente US$ 41,5 bilhões. O valor de mercado do banco digital chegou a US$ 37,423 bilhões.

O Itaú, que nesse período teve uma valorização de 9,5%, alcançou o valor de avaliação de US$ 39,212 bilhões, retornando ao posto de banco mais valioso da América Latina. De acordo com o levantamento da Economatica, realizado na última segunda-feira (17), podemos observar os valores de mercados de alguns dos principais bancos do Brasil, entre eles estão o Bradesco com valor de US$ 33,899 bilhões, o Santander com US$ 21,540 e o Banco do Brasil com valor de US$ 15,791 bilhões.


Celular com logo do Nubank. (Foto: Reprodução/Seu Crédito Digital)


Devido ao começo do período de aumento dos juros nos Estados Unidos, muitas empresas de tecnologia estão em situação de tensão. Pois, de acordo ao Federal Reserve Bank (banco central dos EUA), ocorrerão três reajustes de 0,25 ponto percentual nas taxas de juros até o final deste ano.

James Bullard, presidente e CEO do Federal Reserve Bank de St Louis, afirma que a instituição se encontra em boa posição para tomar as devidas medidas, quando necessário, para conter a inflação, o que inclui aumentar a taxa básica e adequar o momento e o andamento dos aumentos posteriores aos juros.

Algumas empresas do mesmo ramo do banco digital, entre elas fintechs e empresas de tecnologia em pagamentos apresentaram quedas nos Estados Unidos, entre elas estão a Affirm que teve uma baixa de 31%, a Toast declinou 25% e a corretora digital Robinhood caiu 15%.

Muitos investidores creem que até março o primeiro aumento seja divulgado. Empresas de grande crescimento, em sua maioria, são negativamente afetadas com os aumentos dos valores dos empréstimos.

 

 

Foto destaque: Maquineta com logo do Nubank e cartão Nubank. Reprodução/Seu Dinheiro.

LEIA MAIS

CEO do Walmart ajusta as frentes de trabalho para continuar crescendo
Carros populares aumentaram quase 50%, segundo pesquisa
A cada 26 horas surgiu um novo bilionário no Brasil, segundo a Oxfam





Fonte: R7