Mercados globais têm dia de euforia com vitória de Biden e após Pfizer dizer que tem vacina eficaz | Economia

0
22


As principais bolsas globais registraram fortes ganhos nesta segunda-feira (9) após a vitória do democrata Joe Biden na eleição presidencial do Estados Unidos, apesar da recusa de Donald Trump a reconhecer a derrota, e diante esperanças renovadas de uma vacina próxima contra o coronavírus.

A fabricante Pfizer anunciou nesta manhã que a sua vacina experimental foi mais de 90% eficaz na prevenção da Covid-19 com base em dados iniciais de um grande estudo.

“Isto é muito importante (notícia) porque valida a visão do mercado de que a economia e os resultados podem voltar aquele caminho de crescimento que tinham antes da crise (COVID-19) ter ocorrido”, disse Andrea Cicione, Chefe de Estratégia, TS Lombard, Londres.

Na Europa, a bolsa de Londres fechou em alta de 4,67%; Frankfurt subiu 4,94; e Paris, 7,57%. Já Madri ganhou 8,57%, segundo dados da Bloomberg.

Nos Estados Unidos, o Dow Jones subiu 2,95%, o S&P 500 teve alta de 1,17%, e o Nasdaq recuou 1,53%.

Já o barril de petróleo WTI subiu 8,48%, para US$ 40,29 o barril.

Índice da China atinge máxima de 5 anos

No Japão, o índice Nikkei fechou em forte alta de 2,12%, a 24.839,84 pontos, no maior nível desde 1991.

Na China, o índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve alta de 1,96%, para o nível mais alto de fechamento desde 17 de junho de 2015. O índice de Xangai subiu 1,86%.

A mídia estatal chinesa adotou um tom otimista nesta segunda-feira em editoriais ao reagir à vitória de Biden, dizendo que as relações podem ser restauradas para um estado de maior previsibilidade e que isso pode começar com o comércio.

Outras bolsas da Ásia também iniciaram a semana de maneira positiva: em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 1,18%.

As bolsas vêm registrando altas consideráveis desde quarta-feira da semana passada, com os investidores aliviados por terem escapado de uma “onda azul” democrata, já que o equilíbrio de poder que se perfila entre republicanos e democratas no Congresso dificultará para o governo Biden executar amplas reformas fiscais direcionadas aos ricos e grandes empresas.

Investidores apostam que uma Presidência de Biden com um Senado nos EUA potencialmente republicano levará a menos reformas na indústria e mais estímulo monetário. “Com Biden na Casa Branca, as relações com importantes parceiros comerciais devem melhorar”, disse Milan Cutkovic, analista de mercado da Axi.

Biden disse que convocará uma força-tarefa sobre coronavírus nesta segunda-feira para examinar o problema número 1 que enfrentará quando assumir o cargo em janeiro.

Vários indicadores econômicos tranquilizadores também contribuem para manter os mercados no azul. O desemprego recuou mais que o esperado em outubro nos Estados Unidos, de acordo com dados publicados na semana passada, o que sugere que o mercado de trabalho americano continua melhorando, apesar da lenta recuperação econômica e da pandemia.

Veja os melhores momentos do 1º discurso de Joe Biden como presidente eleito dos EUA

Veja os melhores momentos do 1º discurso de Joe Biden como presidente eleito dos EUA



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui