Maha Energy mira compra de Campo Tartaruga da Petrobras

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Por Gram Slattery

RIO DE JANEIRO (Reuters) – A Maha Energy AB, com sede em Estocolmo, continua interessada em comprar a participação da Petrobras no campo Tartaruga, no Nordeste do Brasil, depois que a primeira tentativa da empresa não teve sucesso, disse Victoria Berg, diretora de relações com investidores da empresa, à Reuters.

A Petrobras anunciou em 2020 que estava vendendo sua participação minoritária de 25% em Tartaruga, um pequeno campo de águas rasas na costa do Estado brasileiro de Sergipe. Os 75% restantes já pertencem a Maha.

Na segunda-feira, no entanto, a Petrobras disse que o processo de venda não teve sucesso e que estava reiniciando sua tentativa de venda do campo do zero.

Embora não existam informações divulgadas sobre os interessados, Maha e Petrobras haviam entrado em negociações sobre a participação, escreveu Berg, depois que uma fonte com conhecimento do assunto descreveu as discussões à Reuters.

Essas negociações acabaram fracassando devido a razões “financeiras/contratuais”, de acordo com Berg, em uma declaração por email.

“A Maha provavelmente estará interessada em participar do relançamento do desinvestimento de Tartaruga, pois isso representa uma oportunidade natural de crescimento em um bloco que atualmente operamos e planejamos desenvolver ainda mais com investimentos de capital alocados no curto prazo”, escreveu Berg no e-mail.

A Petrobras não respondeu a um pedido de comentário na terça-feira.

Até 2020, segundo a Petrobras, o Campo Tartaruga produziu cerca de 580 barris por dia de petróleo, embora a conclusão de um terceiro poço possa aumentar significativamente esse número.

Espera-se que o preço de Tartaruga seja relativamente baixo em comparação com outros ativos de vendidos pela Petrobras, dada sua produção modesta.

No entanto, uma venda permitiria à empresa realocar recursos para suas operações em águas profundas muito mais lucrativas, o que tem sido uma parte central da estratégia da empresa nos últimos anos.

A Maha, que foca em campos petrolíferos existentes e maduros, possui operações de exploração e produção no Brasil, Illinois, Wyoming e Omã, de acordo com seu site.









Fonte: Mix Vale