Lucro líquido da Caixa cai 44% no 1º trimestre | Economia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


A Caixa Econômica Federal divulgou nesta quinta-feira (12) que registrou um lucro líquido contábil consolidado de R$ 2,5 bilhões no 1º trimestre, o que representa uma queda de 44,5% frente aos 3 primeiros meses do passado, quando chegou a R$ 4,6 bilhões.

Já o lucro liquido gerencial atingiu de R$ 3 bilhões no 1º trimestre, uma redução de 3,8% em relação no comparativo interanual.

A margem financeira somou R$ 10,7 bilhões, com redução de 3,3%.

A carteira de crédito ampliada encerrou março com um saldo de R$ 889 bilhões, um crescimento de 11,2% na comparação interanual. Nos 3 primeiros meses de 2022, foram concedidos R$ 107,8 bilhões em crédito, aumento de 14,6%.

O crédito consignado teve expansão de 20,2%, atingindo R$ 85,7 bilhões. O agronegócio chegou a R$ 21,2 bilhões, uma alta de 142,9%.

A Caixa disse em comunicado que revolucionou a concessão de microcrédito no Brasil, tendo o maior volume de concessão para clientes negativados, sendo o único banco a operar com garantia do Fundo Garantidor de Microfinanças. “Foram mais de R$ 1,2 bilhão em valores concedidos em mais de 1,7 milhão de contratos de microcrédito, sendo mais de 80% dos empréstimos para negativados”, informou.

Crédito imobiliário ‘histórico’

O banco destacou que atingiu “resultado histórico” na contratação de crédito imobiliário, totalizando R$ 34,4 bilhões no 1º trimestre, aumento de 17,8% em relação aos 3 primeiros meses de 2021.

“O saldo em carteira de R$ 570,5 bilhões, 10,1% maior se comparado ao mesmo período do ano anterior”, destacou a Caixa, que segue como líder em financiamento da imobiliário no país.



Fonte:G1