Justiça suspende decretação de falência da Livraria Cultura temporariamente | Economia

0
15


Segundo a sentença, a suspensão vale até que o colegiado do Tribunal de Justiça tome uma decisão sobre o assunto, o que poderá levar até um mês.

A empresa tenta reverter a decisão da assembleia sob o argumento de que alguns credores se atrapalharam com a votação virtual e votaram de forma errada. Na decisão, é informado que credores tentaram pedir a correção do voto tanto durante a assembleia como depois.

De acordo com Fabiana Solano, sócia do Felsberg Advogados, escritório que atua junto ao Grupo Cultura na Recuperação Judicial, a decisão atende ao recurso que indica “não haver quaisquer irregularidades na Assembleia de Credores que aprovou a mudança”.

Vídeo: Mais notícias sobre livrarias



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui