Itaú Unibanco investirá R$ 1 bilhão para virar sócio de fintech da Totvs | Negócios

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


O Itaú Unibanco vai investir cerca de R$ 1 bilhão para ser sócio do braço de fintech do grupo de tecnologia Totvs, ilustrando as crescentes apostas na oferta combinada de serviços financeiros e de gestão para empresas de pequeno e médio portes no Brasil.

Pelos termos do acordo anunciado nesta terça-feira (12), o Itaú passa deter 50% de participação do negócio de “techfin” da Totvs, que inclui os ativos techfin e supplier, pagando R$ 410 milhões à vista, além de injetar R$ 200 milhões no negócio.

O banco também pagará até mais R$ 450 milhões após cinco anos, mediante o cumprimento de certas metas.

Com a joint venture, “os clientes da Totvs poderão contratar uma gama completa de produtos financeiros, como crédito, cash management e antecipação”, segundo fato relevante das empresas.

Fachada de agência do banco Itaú no Rio de Janeiro — Foto: Sergio Moraes/Reuters

O anúncio ocorre no momento de crescente interesse de investidores por negócios que oferecem um combo de serviços financeiros e de gestão para pequenas e médias empresas no país, na esteira da evolução do open finance, modelo regulatório implementado pelo Banco Central que promete dar maior autonomia para clientes escolherem com quais bancos querem fazer transações.

Na véspera, a plataforma de soluções financeiras e gestão para empresas Stark Bank anunciou que recebeu um aporte de US$ 45 milhões que incluiu entre outros a Bezos Expeditions, de Jeff Bezos, fundador da Amazon.

No caso do Itaú, a joint venture garante que o banco será o único veículo de desenvolvimento e distribuição de serviços financeiros da Totvs, maior fornecedora de softwares de gestão para pequenos e médios negócios no país, e poderá se beneficiar das integrações com os demais sistemas de gestão da agora sócia.

O negócio foi anunciado após o fechamento do mercado. A ação da Totvs encerrou o pregão em alta de 1%, a R$ 35,80. Os papéis do Itaú Unibanco recuaram 1,77%.



Fonte:G1