Iraque e Total fecham acordo de US$ 27 bi para desenvolver projetos de energia 

0
8


Por Ahmed Rasheed

BAGDÁ (Reuters) – A francesa Total irá construir quatro enormes projetos de energia no sul do Iraque graças a um novo acordo de 27 bilhões de dólares fechado neste domingo em Bagdá, afirmou o ministro iraquiano do Petróleo.  

A companhia começará com um investimento inicial de 10 bilhões de dólares, afirmou o CEO Patrick Pouyanne, que acrescentou que o trabalho de engenharia começará “imediatamente”. 

O ministro do Petróleo do Iraque, Ihsan Abdul Jabbar, disse que a primeira fase terá um investimento de 3 bilhões de dólares por parte do grupo francês em um projeto para injetar água do mar nos campos de petróleo para melhorar a extração da commodity. 

A Total também irá fornecer 2 bilhões de dólares para construir uma planta de processamento de gás extraído dos campos ao sul de West Qurna 2, Majnoon, Artawi, Tuba e Luhais.

É esperado que a planta produza 300 milhões de pés cúbicos de gás por dia , e o dobro depois de uma segunda fase de desenvolvimento, disse Jabbar, que acrescentou que o gás produzido pelo projeto da Total irá ajudar o Iraque a reduzir suas importações de gás do Irã.

As outras duas iniciativas são uma usina de energia solar e um projeto para aumentar a produção de petróleo cru do campo petrolífero de Artawi.

A Total ajudará a impulsionar a produção do campo petrolífero de Artawi para 210 mil barris de petróleo por dia (bpd), ante 85 mil bpd atuais, segundo uma nota do Ministério do Petróleo. 

(Reportagem de Ahmed Rasheed)










Fonte:
Mix Vale