INSS informa que prova de vida segue suspensa até dezembro | Economia

0
10


O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informou nesta sexta-feira (27) que os benefícios que dependem de prova de vida serão pagos até janeiro do ano que vem.

Na segunda-feira (30), o governo vai publicar uma portaria que prorroga até dezembro a interrupção de bloqueios de pagamento por falta da prova de vida.

Beneficiários realizam perícia médica na agência do INSS do Bairro Edson Queiroz, em Fortaleza — Foto: Bruno Cabral/SVM

“Na próxima segunda-feira (30/11) será publicada portaria que prorroga por mais duas competências (novembro e dezembro) a interrupção de bloqueios de pagamento por falta da prova de vida. Assim, quem não fez o procedimento entre março e dezembro desse ano, não terá o benefício bloqueado até o fim de janeiro”, informou a assessoria do INSS.

A suspensão da prova de vida teve início em março, quando tiveram início as medidas de isolamento social para conter a disseminação do coronavírus.

A lei prevê que, todos os anos, beneficiários do INSS precisam comprovar ao governo que estão vivos. Essa comprovação é sempre presencial e pode ser feita na instituição bancária em que o aposentado ou pensionista recebe o benefício, em uma agência do INSS, em embaixadas e consulados ou na casa de aposentados e pensionistas com dificuldade de locomoção.

Quem não faz a comprovação no prazo tem o pagamento bloqueado, suspenso ou cessado. O procedimento é obrigatório e tem como principal objetivo evitar fraudes e pagamentos indevidos.

Vídeos: Últimas notícias de economia



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui