Inflação da Páscoa: couve, batata-inglesa e sardinha têm maiores altas | Economia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


O resultado ficou bem abaixo do levantamento realizado no ano anterior para a mesma cesta de produtos. Entre abril de 2020 e março de 2021, a inflação da Páscoa subiu 25,6%.

O número deste ano também está abaixo do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), apurado pela FGV, que teve alta de 9,18% no mesmo período.

O que explica uma inflação menor é a queda do preço do arroz, que recuou 12,2%. Na outra ponta, os itens que mais subiram foram couve (21,50%), batata-inglesa (18,43%), sardinha em conserva (16,44%) e azeite (15,63%).

Veja a inflação dos itens da Páscoa:



Fonte:G1