Hidrelétricas nos rios Jari e Araguari, no Amapá, devem ser vendidas para fundo canadense | Amapá

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


As hidrelétricas operadas pela EDP Brasil no Amapá – Santo Antônio, no Rio Jari, e Cachoeira Caldeirão, no Rio Araguari – devem ser vendidas para o fundo canadense Caisse de Dépôt et Placement du Québec (CDPQ), segundo informações da assessoria de imprensa da companhia divulgadas pela Agência Reuters, nesta quinta-feira (5).

A previsão é de que o negócio seja concluído no final de junho e deve envolver uma terceira usina no Espírito Santo.

De acordo com o Valor Econômico, a EDP busca focar na geração, transmissão e distribuição de energia solar, eixo da companhia portuguesa que teve avanços no primeiro trimestre.

As negociações estão avançadas e são tratadas exclusivamente com o fundo canadense. A usina de Santo Antônio do Jari, na divisa com o Pará, tem capacidade de 392,95 megawatts e a Caldeirão, em Porto Grande, de 219 megawatts.

O Caisse de Depôt et Placement du Québec atua no Canadá principalmente com fundos de pensão e no Brasil tem investimentos e ativos nas áreas de gás e telecomunicações.

Hidrelétrica de Santo Antônio do Jari — Foto: EDP/Divulgação

VÍDEOS com as notícias do Amapá:



Fonte: G1