Governo limita a 5% o desconto mensal de beneficiários do Auxílio Brasil em empréstimos consignados


Portaria também limita número de parcelas do empréstimo e determina taxa de juros máxima de 2,5%. Auxílio Brasil foi criado em dezembro de 2021, por meio de lei que extinguiu o Bolsa Família
Divulgação via BBC
O governo federal limitou a 5% o desconto mensal de beneficiários do Auxílio Brasil que contratarem empréstimo consignado a partir desta quinta-feira (8).
A portaria também limitou o número de prestações do empréstimo a 6 parcelas mensais e sucessivas. Antes, o número máximo de parcelas era de 24 mensais.
Além disso a taxa de juros não poderá exceder 2,5% ao mês a partir desta quinta-feira. Antes, a taxa de juros era de 3,5%.
Esta reportagem está em atualização.

Fonte: Portal G1