Golpistas usam pente-fino para aplicar golpes em segurados do INSS

0
13


Golpistas usam pente-fino para aplicar golpes em segurados do INSS Golpistas têm se aproveitado das convocações que o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) faz para tentar roubar dados dos segurados. O instituto emitiu um alerta sobre as tentativas de golpes e informou que as abordagens estão acontecendo por carta, por telefone e até por mensagem de celular.

Por meio dos pentes-finos, o INSS verifica se os valores pagos estão corretos ou se o segurado ainda se enquadra nas condições exigidas por lei para que os pagamentos sejam mantidos, como acontece com alguns benefícios assistenciais, que dependem de comprovação de renda.

Entre agosto e dezembro, por exemplo, o órgão vai reavaliar 170 mil benefícios por incapacidade temporária, por meio de perícia.

Além de orientar o contato só pelos canais oficiais de comunicação (site e aplicativo Meu INSS ou telefone 135), o INSS recomenda que os segurados atualizem seus dados cadastrais. Outra dica é denunciar as tentativas de golpe para a ouvidoria, pelo telefone 135.

Se não deu para evitar o golpe, o segurado precisa fazer um boletim de ocorrência, avisar o INSS e o banco, se for o caso.

“Para evitar os golpes nessas convocações em massa, o segurado deve prestar muita atenção e nunca fornecer dados ou cópias de documentos por email ou telefone”, diz a advogada Gisele Kravchychyn.

Desde 2019, o INSS manda cartas convocando segurados que recebem benefícios assistenciais de um salário mínimo, o BPC.

Outro jeito encontrado para tirar dinheiro dos aposentados é descobrindo quais ações já foram julgadas. Então eles tentam ludibriar o segurado com promessas para agilizar o pagamento. “É importante que os órgãos do governo deem atenção à Lei Geral de Proteção de Dados e aumentem a segurança dos sistemas contra vazamentos”, diz o advogado Roberto de Carvalho Santos.










Fonte:
R7