Facebook anuncia ‘óculos inteligentes’ e novo dispositivo de realidade virtual | Inovação

0
20

O Facebook anunciou nesta quarta-feira (16) novidades de sua divisão Oculus, que tem projetos de realidade virtual e realidade aumentada.

A empresa revelou que está trabalhando no primeiro par de “óculos inteligentes”, que será lançado em 2021 em uma parceria com a marca Ray-Ban.

O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, não revelou muitos detalhes sobre o produto em um evento online da companhia, mas disse que se tratava do “próximo passo para os óculos de realidade aumentada”.

Pelo Twitter, o brasileiro Hugo Barra, vice-presidente do laboratório de realidade virtual do Facebook, divulgou um vídeo promocional. O visual dos óculos ainda não foi revelado.

Protótipo dos óculos inteligentes

A empresa anunciou que planeja lançar o “Project Aria”, um protótipo para pesquisadores que irá explorar maneiras de usar os óculos inteligentes.

O “Project Aria” não possui funcionalidades de realidade aumentada, telas ou mecanismos de projeção de imagens. Apesar disso, será capaz de captar vídeo, som, dados de localização e do movimento dos olhos.

Protótipo “Project Aria” do Facebook desmontado. Dispositivo não tem tela nas lentes. — Foto: Divulgação/Facebook

Prevendo repercussões sobre privacidade, a companhia detalhou que, nessa fase inicial, somente cerca de 100 funcionários do Facebook poderão usar o protótipo dentro da sede da empresa e que luzes indicarão quando os óculos estão captando dados.

O Facebook disse ainda que os dados serão armazenados de forma criptografada e que a câmera não possui recurso de reconhecimento facial.

A ideia se parece com os Spectacles, experimento da rede social Snapchat, e com o Echo Frames, óculos da Amazon.

Os óculos do Facebook com a Ray-Ban devem ter características similares ao do “Project Aria”.

Oculus Quest 2, o novo headset de realidade virtual do Facebook. — Foto: Divulgação/Facebook

O Facebook também anunciou a chegada do Oculus Quest 2, uma nova geração dos óculos de realidade virtual.

São aparelhos que ficam encaixados na cabeça e exibam conteúdo por meio de pequenas telas.

Vídeo mostra primeira geração do Oculus Quest. Empresa anunciou nova versão.

Vídeo mostra primeira geração do Oculus Quest. Empresa anunciou nova versão.

O Quest 2 não precisará de um computador ou videogame para funcionar, como acontece com outros produtos do gênero.

Ele possui uma biblioteca de conteúdos e controles próprios, que ficam armazenados em sua memória.

Interface do Oculus Quest 2. — Foto: Divulgação/Facebook

Uma das novidades, porém, é a função “Link” para conectar o dispositivo a um computador e aumentar as capacidades gráficas para jogos em realidade virtual, além de incrementar os games disponíveis.

Será comprar um cabo USB de forma separada para essa função. A versão oficial do cabo custará US$ 79 (cerca de R$ 415, na cotação atual).

Grandes empresas e instituições também usam esses dispositivos para realizar treinamentos de profissionais.

O Oculus Quest 2 será vendido nos EUA por a partir de US$ 299 (R$ 1.565). Não há informações sobre a possível chegada do Quest 2 no Brasil.




Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui