Exportação de carne de frango recua 9% em outubro, diz associação | Agronegócios

0
20


As exportações de carne de frango do Brasil recuaram 9,4% em outubro ante mesmo mês do ano passado, totalizando 319,7 mil toneladas, em resultado afetado pela ausência de vendas para México e Filipinas, informou nesta quarta-feira a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

Segundo levantamento da entidade, as receitas com as vendas da proteína no mês passado alcançaram US$ 446,8 milhões, queda de 21,2% na comparação anual dos valores na moeda norte-americana.

A ABPA citou a Arábia Saudita como “principal destaque” entre compradores em outubro, com 44,9 mil toneladas, avanço de 22% em relação ao mesmo mês de 2019, e também destacou números positivos nos embarques para União Europeia (+29%) e África do Sul (+5%).

“A retomada gradativa dos embarques para a Arábia Saudita e o incremento dos volumes enviados para a Europa indicam maior capilaridade nos embarques do setor”, disse em nota o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

“Apesar dos impactos sentidos pela falta do México e Filipinas nas vendas deste mês em relação a outubro de 2019, as exportações internacionais seguem, de forma geral, em patamares equivalentes ao verificado em 2019”, acrescentou.

No acumulado de 2020 até outubro, as exportações brasileiras de carne de frango somam 3,498 milhões de toneladas, praticamente em linha com igual período do ano passado, enquanto as receitas atingem US$ 5,066 bilhões, com queda de 13%.

Considerando o resultado dos dez primeiros meses do ano, a China segue como principal cliente, com compras de 564 mil toneladas de carne de frango no período, alta de 24% na comparação ano a ano, acrescentou a ABPA.

Veja os vídeos mais assistidos do Globo Rural



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui