EUA anunciam sanções a 34 empresas e entidades por elo com China, Rússia e Irã | Mundo

0
12


O grupo foi incluído na lista “por sua participação, ou risco de participação em atividades contrárias à política externa e aos interesses de segurança nacional dos Estados Unidos”, anunciou o Departamento de Comércio dos EUA em um comunicado.

“Continuaremos a usar agressivamente os controles de exportação para responsabilizar governos, empresas e indivíduos que tentam acessar itens de origem americana para atividades subversivas em países como China, Irã e Rússia”, afirmou a secretária de Comércio, Gina Raimondo.

Ao menos um milhão de uigures e pessoas que pertencem a outros grupos muçulmanos estão retidos em campos de “reeducação” no noroeste do país, segundo grupos de defesa dos direitos humanos, que acusam o governo chinês de impor trabalhos forçados e de esterilizar as mulheres.

A China diz que os complexos em Xinjiang são “centros de treinamento vocacional” para erradicar o extremismo e dar às pessoas novas habilidades”. Para diversos países, são campos de concentração (o que o país nega).

VÍDEOS: as últimas notícias internacionais



Fonte: G1