Eduardo Saverin, do Facebook, ultrapassa Jorge Paulo Lemann como brasileiro mais rico; veja lista | Economia

0
35


O empresário Eduardo Saverin, cofundador do Facebook, tornou-se o brasileiro mais rico na lista de bilionário da Forbes, com fortuna estimada de US$ 19,4 bilhões. Ele ultrapassa o empresário e investidor Jorge Paulo Lemann, do 3G Capital, que detém US$ 19 bilhões.

Eduardo Luiz Saverin nasceu em São Paulo e tem 39 anos de idade. Sua família se mudou no início dos anos 1990 para os Estados Unidos, onde foi criado.

Em 2004, Saverin fundou o Facebook ao lado de seu colega de classe de Harvard Mark Zuckerberg. Nos anos seguintes, eles discordaram sobre os rumos da rede social, caso que acabou indo parar na justiça e o caso foi retratado no filme “A Rede Social”, de 2010.

Depois de deixar a empresa, Saverin mudou-se para Singapura, onde se tornou investidor-anjo de novas empresas de tecnologia.

Com a abertura de capital da empresa, o brasileiro entrou para a lista de bilionários da Forbes em 2011 com a valorização de sua participação minoritária no Facebook. Em 2016, ele lançou o fundo de risco B Capital, com o BCG e Raj Ganguly, da Bain Capital.

A última lista de bilionários da Forbes mostrou que o número de bilionários ‘explodiu’ e chegou a 2.755 – 660 a mais que um ano atrás. No Brasil, a principal mudança foi a estreia dos irmãos Safra na lista: Jacob, David, Alberto e Esther.

Os quatro são filhos de Joseph Safra, dono do Banco Safra falecido em dezembro, e até então o homem mais rico do país. Juntos, a fortuna do quarteto é estimada em US$ 7,8 bilhões, ocupando a 358º posição no ranking dos maiores bilionários.

O segundo lugar fica com Jorge Paulo Lemann, do 3G Capital, e sua fortuna de US$ 19 bilhões. O pódio brasileiro se completa com Jorge Moll Filho, fundador da Rede D’Or, e patrimônio estimado de US$ 13,4 bilhões.

Os sócios de Lemann no fundo, Marcel Telles (4º lugar), Carlos Alberto Sicupira (6º lugar) e Alexandre Behring (9º lugar), também estão na lista. Veja abaixo o “top 10”.

  1. Eduardo Saverin (Facebook): US$ 19,4 bilhões
  2. Jorge Paulo Lemann (3G Capital): US$ 19 bilhões
  3. Jorge Moll Filho (Rede D’Or): US$ 13,4 bilhões
  4. Marcel Telles (3G Capital): US$ 12,7 bilhões
  5. André Esteves (BTG Pactual): US$ 9,9 bilhões
  6. Carlos Alberto Sicupira (3G Capital): US$ 9,8 bilhões
  7. Rubens Ometto (Cosan): US$ 9,2 bilhões
  8. Irmãos Safra (Banco Safra): US$ 7,8 bilhões
  9. Alexandre Behring (3G Capital): US$ 7,2 bilhões
  10. Alceu Feldmann (Fertipar): US$ 6,1 bilhões



Fonte:G1