Dólar vai às máximas do dia acima de R$5,64 com notícia sobre Orçamento de Guerra

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


SÃO PAULO (Reuters) -O dólar tomou fôlego, passou a subir e foi às máximas do dia acima de 5,64 reais no fim da manhã desta segunda-feira, com o mercado repercutindo notícia da Reuters de que o governo não descarta a possibilidade de ter que lançar mão do Orçamento de Guerra mais uma vez para conseguir viabilizar o pagamento do Auxílio Brasil.

Segundo uma fonte com conhecimento das negociações disse à Reuters, essa alternativa seria “caótica” para as questões fiscais, e o governo tentará nesta semana atrair votos para a aprovação da PEC dos Precatórios.

Voltar ao Orçamento de Guerra, ao qual se recorreu no ano passado para combate aos efeitos econômicos e sanitários da pandemia, na prática significaria autorizar o descumprimento de parâmetros e limitações fiscais, num momento em que o mercado ainda digere as recorrentes ameaças ao teto de gastos que elevam o temor sobre o futuro das contas públicas no Brasil.

O dólar à vista subia 0,55%, a 5,6271 reais, às 12h43 (de Brasília). A cotação foi a uma máxima de 5,641 reais (alta de 0,80%), após mais cedo ter caído 0,29%, a 5,5798 reais.

A força do dólar no mundo também influenciava o movimento da divisa por aqui. O índice do dólar subia 0,16% no fim da manhã, perto das máximas da sessão norte-americana.

As moedas emergentes caíam 0,16%, estendendo a queda de mais de 1% da sexta-feira, quando o mercado entrou em modo pânico por temores relacionados à nova variante ômicron do coronavírus.

(Por José de Castro; Edição de Isabel Versiani)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEHAS0KC-BASEIMAGE










Fonte: Mix Vale