Descubra 5 soluções do Cadastro Positivo para reduzir o impacto da crise econômica no seu negócio e continuar concedendo crédito e realizando novos negócios

0
30



Base de dados oferece informações confiáveis e recentes, que refletem os novos riscos de crédito impostos pelo atual cenário. Um cenário conturbado amplia as dúvidas quando uma empresa precisa conceder o crédito. Como ter uma informação segura sobre o risco de um cliente não pagar a dívida? Onde encontrar novos dados para uma tomada de decisão inteligente que evite prejuízos? A resposta passa pelo Cadastro Positivo.
Com mudanças na lei, no ano passado, as empresas ganharam uma imensidão de novas informações na hora de analisar crédito. Isso acontece porque a legislação prevê a inclusão de todos os brasileiros e empresas (exceto aqueles que não autorizarem) no Cadastro Positivo, que reúne o histórico completo de pagamentos de um cliente. Até então, um consumidor precisava pedir para ingressar nessa base.
O Cadastro Positivo contempla uma série de dados, como o total de dívidas e a pontualidade de pagamentos até as contas regulares desse cliente (água, luz, telefone…). Além disso, possui atualizações permanentes: as informações são atualizadas a cada 10 dias. É a garantia de contar com dados confiáveis e recentes, que refletem os novos riscos de créditos impostos pelo atual cenário econômico.
Se antes um credor tinha um retrato estático da situação de um cliente, agora ele conta com uma espécie de filme em permanente movimento. Essa mudança permite que ele saiba em qual momento o consumidor ou empreendedor está em sua trajetória. Ou seja: tem condições para avaliar a evolução recente do cliente e, com isso, identificar tendências sobre seus possíveis comportamentos futuros.
A seguir, veja uma lista de 5 soluções da Serasa Experian que auxiliam os empresários a reduzir o risco de inadimplência e garantir novos negócios.
1. Como identificar o risco de inadimplência de um cliente?
Pesquisas internas da Serasa Experian identificaram que a crise econômica levantou dúvidas sobre a perda de eficiência dos scores usados na hora de analisar um crédito e sobre o risco de as mudanças no processo de negativação levarem a decisões ruins.
Com o Serasa Score com Positivo, a empresa conta com uma solução estável e confiável. Essa ferramenta atribui uma nota ao consumidor ou empresa (que vai de 0 a 1.000) – quanto mais alta, menor o risco de inadimplência nos últimos meses.
A grande vantagem é que, para calcular essa pontuação, o Serasa Score reúne a imensidão de dados do Cadastro Positivo com o banco de dados de inadimplentes. Associada a toda a tecnologia da Serasa Experian (como inteligência artificial e machine learning), essa junção de dados representa uma incomparável qualidade nas respostas. Afinal, quanto maior o volume de dados, maior é a precisão de um modelo preditivo.
2. Como descobrir a pontualidade de pagamento?
Com o atual cenário econômico, as empresas costumam ter mais dificuldade de separar aqueles consumidores ou empresas que nem sempre tiveram bons hábitos de pagamento daqueles que pagam em dia, mas passam por dificuldades excepcionais diante da crise. Isso cria a necessidade de ter mais precisão na hora de analisar as características dos clientes.
Para enfrentar esse desafio, além do Serasa Score com Positivo, o empresário conta com informações sobre a pontualidade de pagamentos. Esse indicador integra o que a Serasa chama de atributos – são novas camadas de informações complementares para que o credor analise um crédito com ainda mais segurança. Nesse caso, a Serasa Experian analisa com precisão quanto de suas dívidas um consumidor ou empresa paga antes, na data de vencimento, e após o vencimento, além de quanto ele deixa de pagar.
3. Como detectar os riscos de uma venda digital?
A partir do início da pandemia, os empresários reforçaram a percepção sobre a importância de atuar no mercado digital. Mas como adequar a análise de crédito a essa nova realidade?
Indicadores elaborados com o Cadastro Positivo pela Serasa Experian ajudam as empresas nas jornadas digitais ao considerarem informações sobre os hábitos de pagamento do consumidor com o cartão de crédito, o principal meio para o pagamento de compras online. O atributo faz uma projeção sobre o comportamento futuro do cliente com o uso de cartão de crédito a partir do histórico de pagamentos do Cadastro Positivo: a perspectiva é de que, nos próximos meses, os valores da fatura dele caiam ou aumentem? Essa informação é ideal para tomar decisão nas políticas de gestão de limites.
A empresa ainda pode potencializar essa análise com o uso de outros atributos para ter um perfil de crédito mais aprofundado do cliente. É possível, por exemplo, analisar os pagamentos realizados e as dívidas e definir um grau de severidade para o público negativado.
4. De que forma avaliar a capacidade de pagamento?
Neste momento econômico, as empresas buscam maneiras de aperfeiçoar a identificação do cliente potencialmente inadimplente e daqueles que ainda têm boa capacidade de pagamento. Com a Serasa Experian, elas têm a chance de elevar a maturidade na gestão da carteira ao ter à disposição mais ferramentas para a análise de risco de crédito.
Indicadores da Serasa Experian oferecem a possibilidade de analisar qual é o percentual de contas quitadas em dia e também a percentagem de contas em atraso de um consumidor ou empresa. Também permitem considerar a capacidade de pagamento desse cliente – o próprio serviço já dá uma recomendação de limite de crédito. Com isso, a empresa otimiza a gestão de crédito e oferece opções mais adequadas a cada perfil.
5. Como descobrir o comprometimento da renda ou faturamento?
Outra preocupação dos empresários, identificada por pesquisas da Serasa Experian, é a insegurança na hora de conceder um crédito. Muitos credores sentem que têm informações insuficientes que facilitem a tomada de decisão e, por essa razão, muitas vezes deixam de realizar novos negócios.
Para ter o conhecimento especializado nesta hora, o empresário pode recorrer a todos os serviços já citados neste texto. Também pode contar com uma ferramenta adicional, que estima o comprometimento da renda de um consumidor ou o faturamento de uma empresa.
É mais uma camada de informação para aumentar a segurança, porque ele ajuda a responder a uma questão essencial: o cliente terá condições de pagar as prestações? Esse serviço estima o quanto da renda de um consumidor ou o faturamento de uma empresa estão comprometidos. Assim, o credor oferece um limite de crédito mais adequado ao perfil, o que diminui os riscos de um superendividamento do cliente ou da empresa que procura crédito no mercado.
Com todas essas facilidades, as soluções da Serasa Experian vão ajudar sua empresa a reduzir o impacto da crise e continuar concedendo crédito e realizando novos negócios com mais segurança, de forma a alavancar o crédito sadio, possibilitar a prevenção ao superendividamento e a redução da inadimplência. Quer descobrir mais? Então, clique aqui para conhecer todas as soluções que estão à sua disposição.
Serasa Experian, sua empresa e o cadastro positivo
Contra os efeitos da pandemia, Serasa Experian usa expertise internacional para criar soluções com Cadastro Positivo


Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui