Déficit orçamentário dos EUA cai em agosto com recuperação de receitas

0
10


Por David Lawder

WASHINGTON (Reuters) – O governo dos Estados Unidos registrou déficit orçamentário de 171 bilhões de dólares em agosto, valor 15% menor que o déficit de 200 bilhões de dólares de um ano atrás, já que as receitas fiscais impulsionadas pela recuperação cresceram mais rapidamente do que os gastos com programas de alívio aos efeitos da pandemia de Covid-19, informou o Departamento do Tesouro nesta segunda-feira.

O saldo de agosto foi 2 bilhões de dólares melhor do que a previsão média de analistas consultados pela Reuters. Uma autoridade do Tesouro dos EUA disse que os números não alterariam as estimativas do departamento para o momento em que se esgotarem medidas de financiamento extraordinário para evitar o rompimento do teto da dívida, que está em 28,4 trilhões de dólares.

A secretária do Tesouro dos EUA, Janet Yellen, pediu na semana passada ao Congresso que aumentasse ou suspendesse o limite da dívida, dizendo que “o dinheiro e as medidas extraordinárias se esgotarão durante o mês de outubro”, deixando o governo incapaz de pagar integralmente suas obrigações.

As receitas em agosto aumentaram 20% em relação ao mesmo período do ano anterior, para 268 bilhões de dólares, enquanto as despesas no mês subiram 4%, para 439 bilhões de dólares.

Nos primeiros 11 meses do ano fiscal de 2021, o déficit totalizou 2,711 trilhões de dólares, queda de 10% frente ao rombo de 3,007 trilhões de dólares do mesmo período do ano passado, em meio ao aumento das receitas.

As receitas acumuladas no ano aumentaram 18% em relação ao mesmo intervalo do ano anterior, para 3,586 trilhões de dólares, enquanto as despesas cresceram 4%, para 6,297 trilhões de dólares.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH8C0UM-BASEIMAGE










Fonte: Mix Vale