Déficit da balança comercial dos EUA permanece em máxima recorde em fevereiro

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


WASHINGTON (Reuters) – O déficit comercial dos Estados Unidos repetiu permaneceu em uma máxima recorde em fevereiro, sugerindo que o comércio continuou pesando sobre o crescimento econômico no primeiro trimestre.

O Departamento do Comércio informou nesta terça-feira que o déficit comercial recuou 0,1%, a 89,2 bilhões de dólares em fevereiro.

O dado de janeiro foi revisado para mostrar um salto negativo de 89,2 bilhões de dólares, ainda máxima recorde, em vez dos 89,7 bilhões informados antes.

Economistas consultados pela Reuters esperavam um déficit de 88,5 bilhões de dólares. O comércio teve influência negativa no Produto Interno Bruto dos EUA durante seis trimestres seguidos.

(Reportagem de Lucia Mutikani)






Fonte: Mix Vale