Como o Serasa Score com Positivo ajudou a Great Pets a crescer 300% e a ter inadimplência zero | Serasa Experian

0
29


Com uma trajetória de um ano e meio, uma pequena importadora de produtos para cães e gatos conquistou resultados gigantes. Mesmo em época de pandemia, o faturamento cresceu 300% nos últimos meses em comparação com o mesmo período do ano passado. E a inadimplência é zero.

Parece história de ficção, mas é a realidade da Great Pets. O segredo do sucesso vem da preocupação da direção da empresa. Desde que idealizou a importadora, Júlia Borgonovo investiu em uma política rigorosa de análise de crédito.

E, para que isso acontecesse, ela precisava de informações que lhe dessem confiança para decisões assertivas. Foi aí que ela contou com a Serasa Experian. A união do maior banco de dados de inadimplentes da América Latina com as informações do Cadastro Positivo deu para a empresária a segurança e confiança para fazer avaliações precisas e ágeis dos clientes.

Para isso, Júlia usa o Relato +, um relatório completo que reúne uma série de dados, a começar pelo Serasa Score com Positivo. Essa solução estabelece uma pontuação para cada cliente a partir de informações de negativação e do Cadastro Positivo, e estima a probabilidade dele de ficar inadimplente nos meses seguintes.

Além de informações cadastrais das empresas para as quais vende, como data de fundação e controle societário, Júlia conta com outra solução essencial: o Histórico de Pagamento mostra o percentual de pagamentos em dia e os atrasos (mesmo que seja de um dia) do comprador.

Quando faz uma venda maior e precisa ter ainda mais segurança, a Great Pets consegue personalizar o relatório, deixando-o sob medida para a necessidade de cada análise de crédito. Nesses casos, ela consulta, por exemplo, o faturamento presumido da empresa para avaliar se ela tem condições de cumprir o compromisso.

Assista ao vídeo e descubra mais detalhes sobre as razões para a Great Pets registrar inadimplência zero.



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui