Como congelar e descongelar a carne moída? | Agronegócios

Especialistas afirmam que é fundamental que a carne moída crua permaneça congelada.

Segundo a nutricionista e doutoranda pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) Neiva Souza, a recomendação de congelamento da carne é a seguinte:

  • 0 a – 5°C: até 10 dias
  • – 6 a -10°C: até 20 dias
  • -11 a -18°C: até 30 dias
  • Menor que -18°C: até 90 dias

O freezer doméstico alcança até -20ºC, já a maioria dos congeladores acoplados à geladeira chegam até -6 ºC, detalha a nutricionista da UBS Paranapanema Alice Mendes.

Já a carne cozida deve sofrer um resfriamento imediato, indo de 60°C a 10°C dentro do período de 2 horas. Este resfriamento rápido pode acontecer na geladeira, e, em seguida, o prato pode ir para congelamento.

Depois, para consumi-lo, o descongelamento pode ser feito pelo micro-ondas ou em temperatura inferior a 5°C ou em um forno de convecção, que permite a circulação do calor de forma uniforme, fazendo com que a comida também seja cozida.

Após este processo, ele não pode ser congelado novamente, pois o processo de descongelar a carne pode favorecer bactérias que estavam congeladas e não causaria danos no consumo imediato, mas se passarem pelo processo de refrigeração novamente, começam a se proliferar podendo até mesmo causar uma infecção alimentar, pontua Alice.

Como congelar e descongelar a carne moída? | Agronegócios

De onde vem o que eu como: queijo

De onde vem: batata

De onde vem: batata ‘dorme’ por meses e só suas netas vão para os mercados

Fonte: Portal G1