Casal faz sucesso com e-commerce de produtos para praticantes de yoga | Pequenas Empresas & Grandes Negócios

0
18


O Dia Mundial do Yoga é comemorado em 21 de junho. Um casal empreendedor apaixonado pelo equilíbrio do corpo e da mente faz sucesso com um e-commerce de produtos e acessórios para praticantes de yoga.

A brasileira Renata Baldi e o italiano Alessandro Trotta são casados e decidiram formar uma parceria também nos negócios. Praticantes de yoga há mais de 20 anos, eles perceberam que no Brasil havia espaço para investir nesse mercado.

“O Alessandro já tinha um e-commerce de produtos de yoga na Itália e, depois que a gente se casou e decidiu morar no Brasil, ele percebeu que a gente não tinha tantos produtos de qualidade acessíveis pra prática de yoga por aqui”, conta Renata.

O casal lançou o e-commerce, mas 15 dias depois o Brasil entrou em quarentena. Após o susto inicial, as vendas dispararam.

Criado no Rio de Janeiro, o e-commerce vendeu mais de 150 mil produtos para todo o Brasil em seu primeiro ano de vida.

O carro chefe é o tapetinho, item básico para quem vai começar ou já pratica. A loja virtual oferece mais de 300 tipos de produtos.

Sem querer, o negócio nasceu no momento certo, porque muita gente começou a praticar yoga em casa durante a pandemia do coronavírus.

“A gente viu nas pesquisas de buscas que as palavras yoga, tapete de yoga e material pra praticar em casa aumentaram muito”, diz Renata.

Uma estratégia para atender a todo o Brasil é oferecer frete fixo de R$ 19 em qualquer pedido.

O casal está cheio de planos para o futuro e pretende lançar uma coleção de roupas e um aplicativo com aulas de yoga.

Veja a reportagem completa no vídeo acima.

Yogateria
Telefone: (21) 98987-8270
E-mail: [email protected]
Site: www.yogateria.com.br
Facebook: facebook.com/yogateriaonline
Instagram: instagram.com/yogateria

Livia Blake (Aulas Yoga Online)
Telefone: (11) 98767-4186
Instagram: www.instagram.com/elements.sp/
www.instagram.com/liviaablake

Veja os vídeos mais assistidos do PEGN:





Fonte: G1